Edital do Concurso Companhia de Águas e Esgoto do Maranhão - MA (CAEMA/MA) 2006

Visualizaçao do Edital do Concurso

1
COMPANHIA DE ÁGUAS E ESGOTOS DO MARANHÃO (CAEMA)
CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE
CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE
NÍVEL SUPERIOR, DE NÍVEL MÉDIO E DE NÍVEL FUNDAMENTAL
EDITAL N.º 1/2005 – CAEMA, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2005 (*)
A COMPANHIA DE ÁGUAS E ESGOTOS DO MARANHÃO (CAEMA), por meio da
Comissão constituída por meio da Portaria n.º 138/2005-PR, com efeitos prorrogados pela Portaria de n.º
269/2005-PR, torna pública a realização de concurso público para provimento de vagas e formação de
cadastro de reserva em cargos de nível superior, de nível médio e de nível fundamental, sob o regime da
Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), mediante as condições estabelecidas neste edital.
1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES
1.1 O concurso público será regido por este edital e executado pelo Centro de Seleção e de Promoção de
Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/UnB).
1.2 A seleção para os cargos de que trata este edital compreenderá as seguintes fases:
a) exame de habilidades e conhecimentos mediante aplicação de provas objetivas, de caráter eliminatório
e classificatório, para todos os cargos;
b) prova de capacidade física, de caráter eliminatório, somente para o cargo de Auxiliar Operacional –
área: Ocupacional Operacional – atividade: Trabalhador Braçal.
1.3 As provas serão realizadas nas seguintes cidades do Estado do Maranhão: Barra do Corda, Caxias,
Imperatriz, Pinheiro, Santa Inês, São Luís.
1.3.1 Havendo indisponibilidade de locais suficientes ou adequados nas cidades de realização das provas,
estas poderão ser realizadas em outras cidades.
2 DOS CARGOS
2.1 NÍVEL SUPERIOR
CARGO 1: ADMINISTRADOR
REQUISITOS: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior
em Administração, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação,
e registro no Conselho Regional de Administração.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar, orientar e coordenar tarefas relativas a
recursos humanos, administração geral, planejamento empresarial e outras de mesma natureza e
complexidade, em consonância com a formação e o interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 1.369,59.
VAGAS: cadastro de reserva.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 2: ANALISTA DE SISTEMAS
REQUISITOS: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior na
área de Informática, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da
Educação, ou diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em qualquer área de
formação acrescido de certificado de curso de especialização em Informática, com carga horária mínima
de 360 horas.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar, orientar e coordenar tarefas relativas
ao processamento eletrônico de dados, visando assegurar suporte ao sistema e ao usuário, bem como
outras tarefas da mesma natureza e complexidade, em consonância com a formação e o interesse da
CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 1.369,59.
VAGAS: cadastro de reserva.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
2
CARGO 3: ASSISTENTE SOCIAL
REQUISITOS: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior
em Serviço Social, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação,
e registro no Conselho Regional de Serviço Social.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar, orientar e coordenar tarefas relativas a
educação, mobilização e outras iniciativas de âmbito social, bem como outras tarefas da mesma natureza
e complexidade, em consonância com a formação e o interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 1.221,18.
VAGAS: cadastro de reserva.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 4: BIBLIOTECÁRIO
REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em
Biblioteconomia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação, e
registro no órgão específico.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar, organizar, orientar e coordenar tarefas
relativas ao acervo bibliográfico; documentação de arquivos institucionais; conservar acervos; criar e
implantar estruturas arquivísticas da CAEMA, bem como tarefas da mesma natureza e complexidade, em
consonância com a formação e o interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 1.221,18.
VAGAS: cadastro de reserva.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 5: CONTADOR
REQUISITOS: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior
em Ciências Contábeis, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da
Educação, e registro no órgão de classe específico.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar, orientar e coordenar tarefas relativas
ao controle e fiscalização de atos e fatos administrativos que demonstrem a situação econômico-
financeira da CAEMA; realizar auditorias e perícias contábeis, bem como outras tarefas da mesma
natureza e complexidade, em consonância com a formação e o interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 1.369,59.
VAGAS: cadastro de reserva.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 6: ECONOMISTA
REQUISITOS: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior
em Economia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação, e
registro no órgão de classe específico.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar, orientar e coordenar tarefas relativas
ao ambiente econômico da CAEMA, bem como outras tarefas da mesma natureza e complexidade, em
consonância com a formação e o interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 1.369,59.
VAGAS: cadastro de reserva.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 7: MÉDICO DO TRABALHO
REQUISITOS: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior
em Medicina, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação,
acrescido de certificado de curso de especialização em Medicina do Trabalho, com carga horária mínima
de 360 horas, e registro no órgão de classe específico.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar, orientar e coordenar tarefas relativas à
saúde ocupacional, bem como outras tarefas da mesma natureza e complexidade, em consonância com a
formação e o interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 912,00.
3
JORNADA DE TRABALHO: 24 horas semanais.
2.2 NÍVEL MÉDIO
CARGO 8: AGENTE ADMINISTRATIVO I – ÁREA: APOIO ADMINISTRATIVO –
ATIVIDADE: ATENDENTE COMERCIAL
REQUISITOS: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar tarefas relativas ao atendimento a clientes,
efetuar parcelamento de débito e demais rotinas administrativas, básicas ou especializadas, seguindo
normas e procedimentos estabelecidos nas diversas unidades da empresa, bem como outras atividades da
mesma natureza e grau de complexidade; operar computador.
SALÁRIO: R$ 365,12.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 9: AGENTE ADMINISTRATIVO I – ÁREA: APOIO ADMINISTRATIVO –
ATIVIDADE: AUXILIAR DE ADMINISTRAÇÃO
REQUISITOS: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar tarefas relativas ao atendimento a clientes,
efetuar parcelamento de débito, executar atividades de natureza administrativa nas áreas de assessoria,
gestão de pessoas, suprimentos, financeira, técnica, comercial e de operação, tais como cálculos e
registros, redação de correspondências, preenchimento de formulários, bem como rotinas administrativas,
básicas ou especializadas, seguindo normas e procedimentos estabelecidos nas diversas unidades da
empresa, assim como outras atividades da mesma natureza e grau de complexidade; operar computador.
SALÁRIO: R$ 365,12.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 10: ASSISTENTE OPERACIONAL I – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: LEITURISTA
REQUISITOS: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: efetuar leitura nos medidores de água, entregar contas,
vistoriar, verificar ligações clandestinas, bem como outras tarefas de natureza operacional similar e de
mesmo grau de complexidade e do interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 365,12.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 11: ASSISTENTE OPERACIONAL I – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: OPERADOR DE SISTEMAS
REQUISITOS: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar atividades nas unidades operacionais de sistema
de água e/ou esgoto; realizar manobras, descargas de redes, pesquisa de vazamentos e vistorias em
ligações de água e esgoto, bem como outras tarefas de natureza operacional similar e de mesmo grau de
complexidade e do interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 365,12.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 12: ASSISTENTE OPERACIONAL I – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: ENCANADOR
REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, sob supervisão, as tarefas inerentes ao
funcionamento das distribuidoras de água e coletoras de esgotos, bem como outras tarefas de natureza
operacional similar e de mesmo grau de complexidade e do interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 365,12.
4
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 13: ASSISTENTE OPERACIONAL II – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: ENCANADOR I
REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, carteira
nacional de habilitação, categoria “B”.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar as tarefas inerentes ao funcionamento das
distribuidoras de água e coletoras de esgotos, bem como outras tarefas de natureza operacional similar e
de mesmo grau de complexidade e do interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 438,15.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 14: ASSISTENTE OPERACIONAL III – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: OPERADOR DE ELEVATÓRIA
REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar tarefas referentes à operação de conjuntos
moto-bombas em estações elevatórias, bem como outras tarefas de natureza operacional similar e de
mesmo grau de complexidade e do interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 525,78.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 15: ASSISTENTE OPERACIONAL III – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: OPERADOR DE ETA
REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar atividades de operação em estações de
tratamento de água e esgotos, auxiliar nas análises laboratoriais; registrar dados operacionais; controlar a
qualidade da água; preparar solução de produtos químicos; realizar pequenas manutenções de
equipamentos, bem como outras tarefas de natureza operacional similar e de mesmo grau de
complexidade e do interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 525,78.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 16: TÉCNICO ADMINISTRATIVO – ÁREA: APOIO ADMINISTRATIVO –
ATIVIDADE: ASSISTENTE ADMINISTRATIVO
REQUISITOS: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, acrescido de
certificado de curso de Técnico em Administração, ou certificado, devidamente registrado, de conclusão
de curso de ensino médio técnico em Administração (antigo segundo grau profissionalizante).
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar atividades de natureza administrativa nas áreas
de assessoria, gestão de pessoas, suprimentos, financeira, técnica, comercial e de operação, tais como
cálculos e registros, redação de correspondências e preenchimento de formulários, bem como outras
tarefas da mesma natureza e complexidade compatíveis com a formação e o interesse da CAEMA; operar
computador.
SALÁRIO: R$ 525,78.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 17: TÉCNICO ADMINISTRATIVO – ÁREA: APOIO ADMINISTRATIVO –
ATIVIDADE: TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO
REQUISITOS: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, acrescido de
certificado de curso de Técnico de Segurança do Trabalho, ou certificado, devidamente registrado, de
conclusão de curso de ensino médio técnico em Segurança do Trabalho (antigo segundo grau
profissionalizante) e registro profissional no Ministério do Trabalho.
5
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar e orientar tarefas relativas ao sistema
de segurança do trabalho, investigando riscos e causas de acidentes e analisando esquemas de prevenção
para garantir a integridade do empregado e dos bens da empresa, bem como executar outras tarefas da
mesma natureza e grau de complexidade compatíveis com a formação e o interesse da CAEMA; operar
computador.
SALÁRIO: R$ 765,74.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 18: TÉCNICO OPERACIONAL – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL
ATIVIDADE: EDIFICAÇÕES
REQUISITOS: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, acrescido de
certificado de curso técnico em Edificações, ou certificado, devidamente registrado, de conclusão de
curso de ensino médio técnico em Edificações (antigo segundo grau profissionalizante) e registro no
órgão profissional competente.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar e orientar tarefas de caráter técnico
relativas à execução de projetos de construção, manutenção e reparo de edificações, obras de saneamento,
levantamentos topográficos, desenhos técnicos, bem como outras tarefas da mesma natureza e
complexidade compatíveis com a formação e o interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 630,93.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 19: TÉCNICO OPERACIONAL – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL
ATIVIDADE: ELETROMECÂNICA
REQUISITOS: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, acrescido de
certificado de curso técnico em Eletromecânica, ou certificado, devidamente registrado, de conclusão de
curso de ensino médio técnico em Eletromecânica (antigo segundo grau profissionalizante) e registro no
órgão profissional competente.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar e orientar tarefas relativas a serviços
elétricos e eletromecânicos de montagens e desmontagens; manutenção preventiva e corretiva, bem como
outras tarefas da mesma natureza e complexidade de caráter técnico compatíveis com a formação e o
interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 630,93.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 20: TÉCNICO OPERACIONAL – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL
ATIVIDADE: MECÂNICA
REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, acrescido de
certificado de curso técnico em Mecânica, ou certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso
de ensino médio técnico em Mecânica (antigo segundo grau profissionalizante) e registro no órgão
profissional competente.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar e orientar tarefas relativas à instalação,
testagem e manutenção mecânica dos equipamentos e sistemas de água e esgotos, bem como outras
tarefas da mesma natureza e complexidade de caráter técnico, compatíveis com a formação e o interesse
da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 630,93.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 21: TÉCNICO OPERACIONAL – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL
ATIVIDADE: QUÍMICA
REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, acrescido de
certificado de curso técnico em Química, ou certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso
6
de ensino médio técnico em Química (antigo segundo grau profissionalizante) e registro no órgão
profissional competente.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar tarefas de caráter técnico referente a análises
físico-químicas, biológicas, bacteriológicas e de vazões, controle de qualidade e preservação ambiental,
realizar coletas e outras tarefas de caráter técnico da mesma natureza, compatíveis com a formação e o
interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 630,93.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 22: TÉCNICO OPERACIONAL – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL
ATIVIDADE: SANEAMENTO
REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo
segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, acrescido de
certificado de curso técnico em Saneamento, ou certificado, devidamente registrado, de conclusão de
curso de ensino médio técnico em Saneamento (antigo segundo grau profissionalizante) e registro no
órgão profissional competente.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar, planejar e orientar tarefas relativas a projetos
de construção, manutenção e reparos de edificações e obras de saneamento; instalações, vistorias e
manutenção de equipamentos hidrométricos; realização de análises físico-químicas e bacteriológicas, bem
como outras tarefas da mesma natureza e complexidade de caráter técnico compatíveis com a formação e
o interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 630,93.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
2.3 NÍVEL FUNDAMENTAL
CARGO 23: AUXILIAR OPERACIONAL – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: AUXILIAR DE LABORATÓRIO
REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino fundamental completo
(antigo primeiro grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: lavar, esterilizar, zelar pelos equipamentos do
laboratório para análise de água, bem como outras atividades de natureza operacional similar de mesmo
grau de complexidade e do interesse da CAEMA; operar computador.
SALÁRIO: R$ 304,27.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
CARGO 24: AUXILIAR OPERACIONAL – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: TRABALHADOR BRAÇAL
REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de curso de ensino fundamental incompleto (antigo
primeiro grau), concluído até a 4.ª série, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério
da Educação.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar atividades sob supervisão, relativas à operação
e manutenção, abertura, limpeza, fechamento de valas, serviço de limpeza; transportar, arrumar materiais
em geral, bem como outras atividades de natureza operacional similar de mesmo grau de complexidade e
do interesse da CAEMA;
SALÁRIO: R$ 304,27.
JORNADA DE TRABALHO: 44 horas semanais.
3 DAS VAGAS
3.1 As vagas para este concurso público estão distribuídas por cargo/área/atividade/localidade de vaga,
conforme Anexo II deste edital.
3.2 No momento da inscrição, o candidato deverá optar por cargo/área/atividade/localidade de vaga,
observada a oferta de vagas do quadro constante do Anexo II deste edital.
3.3 Para o cargo 24, não haverá reserva de vagas para candidatos portadores de deficiência, em virtude da
incompatibilidade desta condição com as atribuições do cargo.
7
4 DAS VAGAS DESTINADAS AOS CANDIDATOS PORTADORES DE DEFICIÊNCIA
4.1 Das vagas destinadas a cada cargo/área/atividade/localidade de vaga, 5% serão providas na forma do
Decreto n.º 3.298/99, alterado pelo Decreto Federal n.º 5.296/2004, exceto para os
cargos/áreas/atividades/localidade de vaga para os quais haja somente uma vaga.
4.2 Para concorrer a uma dessas vagas, o candidato deverá:
a) no ato da inscrição, declarar-se portador de deficiência;
b) encaminhar formulário preenchido, conforme Anexo III deste edital, e laudo médico, original ou cópia
simples, emitido nos últimos doze meses, atestando a espécie e o grau ou nível da deficiência, com
expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID-10), bem
como à provável causa da deficiência, na forma do subitem 4.2.1.
4.2.1 O candidato portador de deficiência deverá entregar, até o dia 17 de janeiro de 2006, das 8 horas às
19 horas, pessoalmente ou por terceiro, o formulário e o laudo médico (original ou cópia simples)
referidos na alínea “b” do subitem 4.2, no Núcleo de Atendimento ao Candidato do CESPE//UnB,
Campus Universitário Darcy Ribeiro, Instituto Central de Ciências (ICC), ala norte, mezanino – Asa
Norte, Brasília/DF.
4.2.1.1 O candidato poderá, ainda, encaminhar o formulário e o laudo médico, via SEDEX, postados
impreterivelmente até o dia 17 de janeiro de 2006, para o Núcleo de Avaliação de Potenciais do
CESPE/UnB – Concurso CAEMA, Campus Universitário Darcy Ribeiro, Instituto Central de Ciências
(ICC), subsolo, ala norte – Asa Norte, Brasília/DF, Caixa Postal 04521, CEP 70919–970.
4.3 O candidato portador de deficiência poderá requerer, na forma do subitem 6.4.10 deste edital,
atendimento especial, no ato da inscrição, para o dia de realização das provas, indicando as condições de
que necessita para a realização destas, conforme previsto no artigo 40, parágrafos 1.º e 2.º, do Decreto n.º
3.298/99, alterado pelo Decreto n.º 5.296/2004.
4.4 O laudo médico (original ou cópia simples) terá validade somente para este concurso público e não
será devolvido, assim como não serão fornecidas cópias desse laudo.
4.4.1 A relação dos candidatos que tiveram a inscrição deferida para concorrer na condição de portadores
de deficiência será divulgada no endereço eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006, em
data a ser informada no edital de locais e horário de realização das provas.
4.5 A inobservância do disposto no subitem 4.2 acarretará a perda do direito ao pleito das vagas
reservadas aos candidatos em tal condição e o não-atendimento às condições especiais necessárias.
4.6 Os candidatos que, no ato da inscrição, declararem-se portadores de deficiência, se aprovados e
classificados no concurso, terão seus nomes publicados em lista à parte e, caso obtenham classificação
necessária, figurarão também na lista de classificação geral por cargo/área/atividade/localidade de vaga.
4.7 Os candidatos que se declararem portadores de deficiência deverão submeter-se à perícia médica
promovida pela Companhia de Águas e Esgotos do Maranhão, que verificará sobre a sua qualificação
como portador de deficiência ou não, bem como sobre o grau de deficiência incapacitante para o exercício
do cargo, nos termos do artigo 43 do Decreto n.º 3.298/99, alterado pelo Decreto n.º 5.296/2004.
4.8 Os candidatos deverão comparecer à perícia médica, munidos de laudo médico que ateste a espécie e
o grau ou nível de deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação
Internacional de Doenças (CID-10), conforme especificado no Decreto n.º 3.298/99, alterado pelo
Decreto n.º 5.296/2004, bem como à provável causa da deficiência.
4.9 A não-observância do disposto no subitem 4.8, a reprovação na perícia médica ou o não-
comparecimento à perícia acarretará a perda do direito às vagas reservadas aos candidatos em tais
condições.
4.10 O candidato portador de deficiência reprovado na perícia médica por não ter sido considerado
deficiente, caso seja aprovado no concurso, figurará na lista de classificação geral do
cargo/área/atividade/localidade de vaga.
4.11 O candidato portador de deficiência reprovado na perícia médica em virtude de incompatibilidade da
deficiência com as atribuições do cargo será eliminado do concurso.
8
4.12 As vagas definidas no subitem 4.1 que não forem providas por falta de candidatos portadores de
deficiência aprovados serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a ordem geral de
classificação por cargo/área/atividade/localidade de vaga.
5 DOS REQUISITOS BÁSICOS PARA ADMISSÃO NO CARGO
5.1 Ser aprovado no concurso público.
5.2 Ter nacionalidade brasileira ou portuguesa e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado
pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos
políticos, nos termos do artigo 12, parágrafo 1.º, da Constituição Federal.
5.3 Estar em dia com as obrigações eleitorais e militares.
5.4 Possuir os requisitos exigidos para o exercício do cargo, na data da contratação, conforme item 2
deste edital.
5.5 Ter idade mínima de dezoito anos completos na data da contratação.
5.6 Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo.
5.7 Cumprir as determinações deste edital.
6 DAS INSCRIÇÕES NO CONCURSO PÚBLICO
6.1 A inscrição poderá ser efetuada nas agências da CAIXA listadas no Anexo I deste edital ou via
Internet, conforme procedimentos especificados a seguir.
6.2 DA INSCRIÇÃO NAS AGÊNCIAS DA CAIXA
6.2.1 PERÍODO: de 5 a 18 de janeiro de 2006.
6.2.2 HORÁRIO: de atendimento bancário.
6.2.3 TAXAS: R$ 30,00 para os cargos de nível superior.
R$ 20,00 para os cargos de nível médio e de nível fundamental.
6.2.4 Para efetuar a inscrição na agência do CAIXA, o candidato deverá:
a) preencher e entregar o formulário fornecido no local de inscrição;
b) pagar a taxa de inscrição.
6.3 DA INSCRIÇÃO VIA INTERNET
6.3.1 Será admitida a inscrição via Internet, no endereço eletrônico
http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006, solicitada no período entre 10 horas do dia 5 de janeiro
de 2006 e 20 horas do dia 18 de janeiro de 2006, observado o horário oficial de Brasília/DF.
6.3.2 O CESPE/UnB não se responsabiliza por solicitação de inscrição via Internet não recebida por
motivos de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de
comunicação, bem como outros fatores de ordem técnica que impossibilitem a transferência de dados.
6.3.3 O candidato que desejar realizar sua inscrição via Internet poderá efetuar o pagamento da taxa de
inscrição das seguintes formas:
a) por meio de débito em conta-corrente, apenas para correntistas do Banco do Brasil;
b) por meio de documento de arrecadação, pagável em qualquer lotérica;
c) por meio de boleto bancário, pagável em toda a rede bancária.
6.3.3.1 O documento de arrecadação e o boleto bancário estarão disponíveis no endereço eletrônico
http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006 e deverão ser impressos para o pagamento da taxa de
inscrição após a conclusão do preenchimento da ficha de solicitação de inscrição online.
6.3.4 O pagamento da taxa de inscrição por meio de boleto bancário ou de documento de arrecadação
deverá ser efetuado até o dia 19 de janeiro de 2006.
6.3.5 As inscrições efetuadas via Internet somente serão acatadas após a comprovação de pagamento da
taxa de inscrição.
6.3.6 O comprovante de inscrição do candidato inscrito via Internet estará disponível no endereço
eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006, após o acatamento da inscrição, sendo de
responsabilidade exclusiva do candidato a obtenção desse documento.
6.3.7 Informações complementares acerca da inscrição via Internet estarão disponíveis no endereço
eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006.
6.4 DAS DISPOSIÇÕES GERAIS SOBRE A INSCRIÇÃO NO CONCURSO PÚBLICO
6.4.1 Antes de efetuar a inscrição, o candidato deverá conhecer o edital e certificar-se de que preenche
9
todos os requisitos exigidos. No momento da inscrição, o candidato deverá optar pelo cargo/atividade e
localidade de vaga, indicado pelo respectivo código de vaga (ver Anexo II). Uma vez efetivada a
inscrição não será permitida, em hipótese alguma, a sua alteração no que se refere à opção de
cargo/atividade e localidade de vaga.
6.4.2 É vedada a inscrição condicional, a extemporânea, a via postal, a via fax ou a via correio eletrônico.
6.4.3 É vedada a transferência do valor pago a título de taxa para terceiros ou para outros concursos.
6.4.4 Para efetuar a inscrição, é imprescindível o número de Cadastro de Pessoa Física (CPF) do
candidato.
6.4.5 As informações prestadas no formulário de inscrição ou na solicitação de inscrição via Internet
serão de inteira responsabilidade do candidato, dispondo o CESPE/UnB do direito de excluir do concurso
público aquele que não preencher o formulário de forma completa, correta e legível.
6.4.6 O candidato realizará a inscrição e as provas nas cidades correspondentes, conforme quadro abaixo,
de acordo com código de vaga (ver Anexo II), ressalvado o disposto no subitem 6.4.7.1 a seguir.
CÓDIGO DE VAGA (ver Anexo II)
CIDADE DE
INSCRIÇÃO
CIDADE DE PROVAS
10, 24, 25, 42, 52, 68, 100, 120, 121, 122, 123,
124, 126, 127, 129, 30, 142, 143, 144, 146, 147,
184, 192, 199, 200, 207, 215, 223, 224, 225, 247,
248, 249, 250, 252, 253
Barra do Corda/MA
Presidente Dutra/MA
Barra do Corda/MA
11, 21, 22, 23, 27, 35, 37, 46, 64, 65, 66, 67, 69,
78, 89, 94, 97, 98, 106, 107, 108, 109, 110, 112,
113, 114, 115, 116, 117, 118, 136, 139, 140, 159,
160, 163, 167, 174, 190, 191, 195, 212, 217, 220,
234, 236, 241, 243, 244, 245, 246
Pedreiras/MA
Santa Inês/MA
Bacabal/MA
Santa Inês/MA
1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 13, 14, 15, 26, 28, 29, 30, 36,
45, 48, 54, 55, 56, 63, 70, 71, 72, 74, 75, 76, 77,
79, 80, 81, 82, 83, 86, 88, 125, 131, 137, 138, 141,
152, 153, 154, 157, 158, 162, 164, 165, 166, 168,
169, 170, 171, 173, 175, 176, 177, 178, 180, 183,
187, 188, 196, 197, 198, 201, 205, 206, 209, 210,
218, 221, 230, 231
São Luís/MA
São Luís/MA
16, 17, 31, 43, 84, 85, 87, 90, 91, 92, 93, 95, 96,
111, 119, 132, 135, 172, 181, 189, 219, 238
Pinheiro/MA
Pinheiro/MA
9, 12, 18, 32, 33, 38, 44, 47, 50, 51, 53, 57, 58, 59,
60, 61, 62, 73, 128, 145, 149, 150, 151, 155, 156,
161, 179, 185, 186, 194, 203, 204, 208, 211, 214,
216, 222, 226, 227, 228, 229, 232, 233, 235, 237,
251
Caxias/MA
Codó/MA
Timon/MA
Caxias/MA
19, 20, 34, 39, 40, 41, 49, 99, 101, 102, 103, 104,
105,133, 134, 148, 182, 193, 202, 213, 239, 240,
242
Açailândia/MA
Imperatriz/MA
Imperatriz/MA
6.4.6.1 O candidato que realizar a sua inscrição via Internet deverá indicar, na solicitação de inscrição,
sua opção de cidade de realização de provas.
10
6.4.6.2 Após efetivada a inscrição, não será aceita solicitação de alteração de cidade de realização de
provas.
6.4.7 O valor referente ao pagamento da taxa de inscrição não será devolvido em hipótese alguma, salvo
em caso de cancelamento do certame por conveniência da Administração Pública.
6.4.7.1 No caso de o pagamento da taxa de inscrição ser efetuado com cheque bancário que, porventura,
venha a ser devolvido, por qualquer motivo, o CESPE/UnB reserva-se o direito de tomar as medidas
legais cabíveis.
6.4.8 Não haverá isenção total ou parcial do valor da taxa de inscrição.
6.4.9 O comprovante de inscrição deverá ser mantido em poder do candidato e apresentado nos locais de
realização das provas.
6.4.10 O candidato, portador de deficiência ou não, que necessitar de atendimento especial para a
realização das provas deverá indicar, no formulário de inscrição ou na solicitação de inscrição via
Internet, os recursos especiais necessários e, ainda, enviar, até o dia 17 de janeiro de 2006,
impreterivelmente, via SEDEX, para o Núcleo de Avaliação de Potenciais do CESPE/UnB – Concurso
CAEMA, Campus Universitário Darcy Ribeiro, Instituto Central de Ciências (ICC), ala norte, mezanino –
Asa Norte, Brasília/DF, Caixa Postal 04521, CEP 70919–970, formulário preenchido, conforme Anexo
III deste edital, e laudo médico que justifique o atendimento especial solicitado. Após esse período, a
solicitação será indeferida, salvo nos casos de força maior e nos que forem de interesse da Administração
Pública.
6.4.10.1 O formulário e o laudo médico referidos no subitem 6.4.10 poderão, ainda, ser entregues, até o
dia 17 de janeiro de 2006, das 8 horas às 19 horas, pessoalmente ou por terceiro, no Núcleo de
Atendimento ao Candidato do CESPE/UnB, localizado na Universidade de Brasília, Campus
Universitário Darcy Ribeiro, Instituto Central de Ciências (ICC), ala norte, mezanino – Asa Norte,
Brasília/DF.
6.4.10.2 O laudo médico (original ou cópia simples) terá validade somente para este concurso público e
não será devolvido, assim como não serão fornecidas cópias desse laudo.
6.4.10.3 A candidata que tiver necessidade de amamentar durante a realização das provas deverá, além de
solicitar atendimento especial para esse fim, levar um acompanhante, que ficará em sala reservada para
essa finalidade e que será responsável pela guarda da criança. A candidata que não levar acompanhante
não realizará as provas.
6.4.10.4 A relação dos candidatos que tiveram o seu atendimento especial deferido será divulgada no
endereço eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006, em data a ser informada no edital de
locais e horários de realização das provas.
6.4.10.5 A solicitação de condições especiais será atendida segundo os critérios de viabilidade e de
razoabilidade.
6.4.11 O candidato deverá declarar, no formulário de inscrição ou na solicitação de inscrição via Internet,
que tem ciência e aceita que, caso aprovado, entregará os documentos comprobatórios dos requisitos
exigidos para o cargo por ocasião da contratação.
7 DAS FASES DO CONCURSO
7.1 Será aplicado exame de habilidades e de conhecimentos, mediante aplicação de provas objetivas, de
caráter eliminatório e classificatório, para todos os cargos, abrangendo os objetos de avaliação constantes
deste edital e de prova de capacidade física, de caráter eliminatório, somente para o cargo 24, conforme
os quadros a seguir.
7.1.1 NÍVEL SUPERIOR e NÍVEL MÉDIO
QUADRO DE PROVAS
PROVAS/TIPO ÁREA DE CONHECIMENTO
N.º DE
QUESTÕES
CARÁTER
(P
1
) Objetiva Conhecimentos Básicos 20
(P
2
) Objetiva Conhecimentos Específicos 20
ELIMINATÓRIO E
CLASSIFICATÓRIO
11
7.1.2 NÍVEL FUNDAMENTAL (somente para o cargo de Auxiliar Operacional – área: Ocupacional
Operacional – atividade: Auxiliar de Laboratório)
QUADRO DE PROVAS
PROVA/TIPO ÁREA DE CONHECIMENTO
N.º DE
QUESTÕES
CARÁTER
(P
1
) Objetiva Conhecimentos Gerais 40
ELIMINATÓRIO E
CLASSIFICATÓRIO
7.1.3 NÍVEL FUNDAMENTAL (somente para o cargo de Auxiliar Operacional – área: Ocupacional
Operacional – atividade: Trabalhador Braçal)
QUADRO DE PROVAS
PROVAS/TIPO ÁREA DE CONHECIMENTO
N.º DE
QUESTÕES
CARÁTER
(P
1
) Objetiva Conhecimentos Gerais 40
ELIMINATÓRIO E
CLASSIFICATÓRIO
(P
2
) Prova de
Capacidade Física
– – ELIMINATÓRIO
7.2 As provas objetivas para os cargos de nível superior e de nível fundamental terão a duração de 3
horas e 30 minutos e serão aplicadas no dia 19 de fevereiro de 2006, no turno da manhã.
7.2.1 A(s) prova(s) objetiva(s) para os cargos de nível médio e de nível fundamental terão a duração de 3
horas e 30 minutos e serão aplicadas no dia 19 de fevereiro de 2006, no turno da tarde.
7.3 Os locais e os horários de realização das provas objetivas serão publicados no Diário Oficial do
Estado do Maranhão e divulgados na Internet, no endereço eletrônico
http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006, na data provável de 8 ou 9 de fevereiro de 2006. São de
responsabilidade exclusiva do candidato a identificação correta de seu local de realização das provas e o
comparecimento no horário determinado.
7.3.1 O CESPE/UnB poderá enviar, como complemento às informações citadas no subitem anterior,
comunicação pessoal dirigida ao candidato, para o endereço constante no formulário de inscrição ou na
solicitação de inscrição via Internet, informando o local e o horário de realização das provas, o que não o
desobriga do dever de observar o edital a ser publicado, consoante o que dispõe o subitem 7.3 deste edital.
7.3.1.1 Os candidatos inscritos via Internet poderão receber esse comunicado via e-mail, sendo de sua
exclusiva responsabilidade a manutenção/atualização de seu correio eletrônico.
8 DAS PROVAS OBJETIVAS
8.1 Cada questão das provas objetivas valerá 1,00 ponto e será composta de cinco opções (A, B, C, D e E)
e uma única resposta correta, de acordo com o comando da questão. Haverá, na folha de respostas, para
cada questão, cinco campos de marcação: um campo para cada uma das cinco opções A, B, C, D e E,
sendo que o candidato deverá preencher apenas aquele correspondente à resposta julgada correta, de
acordo com o comando da questão.
8.2 O candidato deverá, obrigatoriamente, marcar, para cada questão, um, e somente um, dos cinco
campos da folha de respostas, sob pena de arcar com os prejuízos decorrentes de marcações indevidas.
8.3 O candidato deverá transcrever as respostas das provas objetivas para a folha de respostas, que será o
único documento válido para a correção das provas. O preenchimento da folha de respostas será de inteira
responsabilidade do candidato, que deverá proceder em conformidade com as instruções específicas
contidas neste edital e na folha de respostas. Em hipótese alguma haverá substituição da folha de
respostas por erro do candidato.
8.4 Serão de inteira responsabilidade do candidato os prejuízos advindos do preenchimento indevido da
folha de respostas. Serão consideradas marcações indevidas as que estiverem em desacordo com este
edital ou com as instruções contidas na folha de respostas, tais como marcação rasurada ou emendada ou
campo de marcação não-preenchido integralmente.
12
8.5 O candidato não deverá amassar, molhar, dobrar, rasgar ou, de qualquer modo, danificar a sua folha
de respostas, sob pena de arcar com os prejuízos advindos da impossibilidade de realização da leitura
óptica.
8.6 Não será permitido que as marcações na folha de respostas sejam feitas por outras pessoas, salvo em
caso de candidato que tenha solicitado atendimento especial para esse fim. Nesse caso, se necessário, o
candidato será acompanhado por agente do CESPE/UnB devidamente treinado.
9 DA PROVA DE CAPACIDADE FÍSICA (somente para o cargo de Auxiliar Operacional – área:
Ocupacional Operacional – atividade: Trabalhador Braçal)
9.1 A prova de capacidade física, de caráter eliminatório, somente para o cargo de Auxiliar Operacional,
área: Ocupacional Operacional – atividade: Trabalhador Braçal, valerá 20,00 pontos.
9.2 Na prova de capacidade física, o candidato será considerado apto ou inapto.
9.3 O candidato deverá comparecer em data, local e horário a serem oportunamente divulgados em edital
específico, com roupa apropriada para prática de educação física, munido de atestado médico específico
para tal fim, emitido nos últimos trinta dias da realização da prova de capacidade física.
9.4 O atestado médico deverá constar, expressamente, que o candidato está apto a realizar as atividades
físicas da prova de capacidade física.
9.5 O candidato que deixar de apresentar o atestado médico será impedido de realizar a prova de
capacidade física, sendo conseqüentemente eliminado do concurso.
9.6 O atestado médico deverá ser entregue no momento da identificação do candidato para a realização da
prova de capacidade física. Não será aceita a entrega de atestado médico em outro momento ou em que
não conste a autorização expressa nos termos do subitem 9.4 deste edital.
9.7 A prova de capacidade física será realizada em duas fases: transportar galões de água
(aproximadamente 20 litros) e conduzir dois volumes em um carrinho de mão.
9.7.1 Os testes serão realizados em uma única tentativa.
9.7.1.1 O primeiro teste consiste em executar duas atividades: duas linhas paralelas traçadas no solo e
distantes 9 metros. Dois galões de água serão colocados em locais previamente determinados em uma das
linhas. Ao comando “iniciar” deverá o candidato deslocar-se até os galões, pegar um deles e transportá-lo
até o ponto de onde partiu depositando-o, com cuidado, atrás da linha de partida. Em seguida, busca-se o
segundo galão procedendo da mesma forma, sem deixá-lo cair.
9.7.1.2 Os candidatos serão avaliados conforme a tabela a seguir:
HOMENS MULHERES PONTOS
menos de 15 segundos menos de 20 segundos 10,00
de 15 a 18 segundos de 20 a 23 segundos 5,00
acima de 18 segundos acima de 23 segundos 0,00
9.7.2 O segundo teste consiste em levantar do chão dois volumes de 30 kg, para os candidatos do sexo
masculino, e de 20 kg, para os candidatos do sexo feminino, e colocá-los sobre um carrinho de mão. Os
candidatos deverão transportar os volumes mencionados, fazendo um percurso de 100 metros, sendo 50
metros de ida e 50 metros de volta. Após o percurso, deverão descer os volumes do carrinho e colocá-los
novamente no chão. Os volumes deverão ser colocados e retirados do carrinho de mão, um de cada vez.
9.7.2.1 O candidato poderá fazer o percurso em qualquer ritmo, intercalando corrida com caminhada,
desde que não abandone a pista no tempo estabelecido no subitem 9.7.2.5 deste edital.
9.7.2.2 Ao comando “em posição”, o candidato deverá colocar-se atrás do carrinho de mão, em pé,
estático.
9.7.2.3 Ao comando “iniciar”, o candidato deverá colocar os volumes no carrinho, correr ou andar até o
cone colocado à distância de 50 metros, contornando-o, e retornar ao ponto inicial.
9.7.2.4 A cronometragem começará ao comando “iniciar” e terminará no momento em que o candidato
passar a linha de chegada e retirar os volumes do carrinho, colocando-os novamente no chão.
9.7.2.5 Os candidatos serão avaliados conforme a tabela a seguir:
HOMENS MULHERES PONTOS
menos de 30 segundos menos de 40 segundos 10,00
de 30 a 38 segundos de 40 a 45 segundos 5,00
13
acima de 38 segundos acima de 45 segundos 0,00
9.7.2.6 Será considerado inapto o candidato que:
a) deixar cair os objetos;
b) cair;
c) tombar o carrinho de mão no chão, facilitando a retirada dos volumes.
9.8 Será considerado apto na prova de capacidade física o candidato que obtiver no somatório dos dois
testes a pontuação igual ou superior a 15,00 pontos.
9.9 O candidato que não obtiver no somatório dos dois testes a pontuação igual ou superior a 15,00
pontos ou que não comparecer para a realização será considerado inapto e, conseqüentemente, eliminado
do concurso público.
9.9.1 O candidato que obtiver 0,00 ponto no primeiro teste não poderá prosseguir no seguinte.
9.10 Os casos de alteração psicológica e/ou fisiológica temporários (estados menstruais, gravidez,
indisposições, cãibras, contusões, luxações, fraturas etc.) que impossibilitem a realização dos testes ou
diminuam a capacidade física dos candidatos não serão levados em consideração, não sendo concedido
qualquer tratamento privilegiado.
9.11 Demais informações a respeito da prova de capacidade física constarão de edital específico de
convocação para essa fase.
10 DOS CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E DE CLASSIFICAÇÃO
10.1 Todos os candidatos terão suas provas objetivas corrigidas por meio de processamento eletrônico.
10.2 A nota do candidato em cada prova objetiva (NPO) será igual ao número de questões da folha de
respostas concordantes com o gabarito oficial definitivo.
10.3 Será eliminado do concurso público o candidato aos cargos de nível superior e de nível médio que
se enquadrar em pelo menos um dos itens a seguir:
a) obtiver nota inferior a 6,00 pontos na prova objetiva de Conhecimentos Básicos;
b) obtiver nota inferior a 7,00 pontos na prova objetiva de Conhecimentos Específicos;
c) obtiver nota inferior a 16,00 pontos no conjunto das provas objetivas.
10.4 Será eliminado do concurso o candidato ao cargo de nível fundamental que obtiver nota inferior a
16,00 pontos na prova objetiva de Conhecimentos Gerais.
10.5 O candidato eliminado na forma dos subitens 10.3 ou 10.4 deste edital não terá classificação alguma
no concurso público.
10.6 Os candidatos não eliminados na forma dos subitens 10.3 e 10.4 serão ordenados por
cargo/área/atividade/localidade de vaga de acordo com os valores decrescentes da nota final nas provas
objetivas (NFPO), que será igual à soma algébrica das notas obtidas em P
1
e P
2
, para os candidatos aos
cargos de nível superior e de nível médio, e igual à nota obtida em P
1
para os candidatos aos cargos de
nível fundamental.
10.7 Com base na lista organizada na forma do subitem 10.6, serão convocados para a prova de
capacidade física os candidatos ao cargo de Auxiliar Operacional – área: Ocupacional Operacional –
atividade: Trabalhador Braçal, concorrentes a todas as localidades, exceto São Luís e Imperatriz,
aprovados nas provas objetivas e classificados em até cinco vezes o número de vagas oferecidas neste
edital por cargo/área/atividade/localidade de vaga, respeitados os empates na última posição.
10.7.1 Para as localidades de São Luís e Imperatriz, serão convocados para a prova de capacidade física
os candidatos ao cargo de Auxiliar Operacional – área: Ocupacional Operacional – atividade: Trabalhador
Braçal aprovados nas provas objetivas e classificados em até três vezes o número de vagas oferecidas
neste edital por cargo/área/atividade/localidade de vaga, respeitados os empates na última posição.
10.7.3 Os candidatos ao cargo de Auxiliar Operacional – área: Ocupacional Operacional – atividade:
Trabalhador Braçal não convocados ou que forem considerados inaptos na prova de capacidade física
estarão automaticamente eliminados e não terão classificação alguma no concurso.
10.7.4 Os candidatos ao cargo de Auxiliar Operacional – área: Ocupacional Operacional – atividade:
Trabalhador Braçal convocados que não comparecerem à prova de capacidade física estarão
automaticamente eliminados e não terão classificação alguma no concurso público.
14
10.8 Todos os cálculos citados neste edital serão considerados até a segunda casa decimal, arredondando-
se o número para cima, se o algarismo da terceira casa decimal for igual ou superior a cinco.
11 DA NOTA FINAL NO CONCURSO PÚBLICO
11.1 A nota final no concurso público (NFC) será a nota final obtida nas provas objetivas (NFPO).
11.2 Os candidatos aprovados serão ordenados por cargo/área/atividade/localidade de vaga de acordo
com os valores decrescentes das notas finais no concurso.
12 DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE
12.1 Em caso de empate na nota final do concurso, para os cargos de nível superior e de nível médio,
terá preferência o candidato que, na seguinte ordem:
a) tiver idade superior a 60 anos, até o último dia de inscrição neste concurso, conforme artigo 27,
parágrafo único, do Estatuto do Idoso;
b) obtiver a maior nota na prova objetiva de Conhecimentos Específicos (P
2
);
c) obtiver o maior número de acertos na prova objetiva de Conhecimentos Específicos (P
2
);
d) obtiver o maior número de acertos na prova objetiva de Conhecimentos Básicos (P
1
).
12.2 Em caso de empate na nota final do concurso, para os cargos de nível fundamental, terá
preferência:
a) tiver idade superior a 60 anos, até o último dia de inscrição neste concurso, conforme artigo 27,
parágrafo único, do Estatuto do Idoso;
b) obtiver a maior nota na prova objetiva de Conhecimentos Gerais (P
1
);
12.3 Persistindo o empate, terá preferência o candidato mais idoso.
13 DOS RECURSOS
13.1 Os gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas serão divulgados na Internet, no endereço
eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006, em data a ser determinada no caderno de
provas.
13.2 O candidato que desejar interpor recursos contra os gabaritos oficiais preliminares das provas
objetivas disporá de dois dias para fazê-lo, a contar do dia subseqüente ao da divulgação desses gabaritos,
no horário das 9 horas do primeiro dia às 18 horas do último dia, ininterruptamente, conforme datas
determinadas nos gabaritos oficiais preliminares.
13.3 Para recorrer contra os gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas, o candidato deverá
utilizar o Sistema Eletrônico de Interposição de Recursos, por meio do endereço eletrônico
http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006, e seguir as instruções ali contidas.
13.4 O candidato deverá ser claro, consistente e objetivo em seu pleito. Recurso inconsistente ou
intempestivo será preliminarmente indeferido.
13.5 O recurso não poderá conter, em outro local que não o apropriado, qualquer palavra ou marca que o
identifique, sob pena de ser preliminarmente indeferido.
13.6 Se do exame de recursos resultar anulação de questão integrante de prova, a pontuação
correspondente a essa questão será atribuída a todos os candidatos, independentemente de terem
recorrido.
13.7 Se houver alteração, por força de impugnações, de gabarito oficial preliminar de questão integrante
de prova, essa alteração valerá para todos os candidatos, independentemente de terem recorrido.
13.8 Todos os recursos serão analisados e as justificativas das alterações de gabarito serão divulgadas no
endereço eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006 quando da divulgação do gabarito
definitivo. Não serão encaminhadas respostas individuais aos candidatos.
13.9 Não será aceito recurso via postal, via fax, via correio eletrônico ou, ainda, fora do prazo.
13.10 Em nenhuma hipótese serão aceitos pedidos de revisão de recursos, recursos de recursos e/ou
recurso de gabarito oficial definitivo.
13.11 Recursos cujo teor desrespeite a banca serão preliminarmente indeferidos.
13.12 A forma e os prazos para a interposição de recursos contra o resultado provisório na prova de
capacidade física serão disciplinados nos respectivos editais de divulgação dos resultados provisórios.
14 DAS DISPOSIÇÕES FINAIS
14.1 A inscrição do candidato implicará a aceitação das normas para o concurso público contidas nos
15
comunicados, neste edital e em outros a serem publicados.
14.2 É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar a publicação de todos os atos, editais e
comunicados referentes a este concurso público no Diário Oficial do Estado do Estado do Maranhão e
divulgados na Internet, no endereço eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006.
14.3 O candidato poderá obter informações referentes ao concurso público no Núcleo de Atendimento ao
Candidato do CESPE/UnB, localizado no Campus Universitário Darcy Ribeiro, Instituto Central de
Ciências (ICC), ala norte, mezanino – Asa Norte, Brasília/DF, por meio do telefone (61) 3448-0100 ou
via Internet, no endereço eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/caema2006, ressalvado o disposto
no subitem 14.5 deste edital.
14.4 O candidato que desejar relatar ao CESPE/UnB fatos ocorridos durante a realização do concurso
deverá fazê-lo ao Núcleo de Atendimento ao Candidato do CESPE/UnB, postar correspondência para a
Caixa Postal 04521, CEP 70919–970; encaminhar mensagem pelo fax de número (61) 3448-0111; ou
enviá-la para o endereço eletrônico sac@cespe.unb.br.
14.5 Não serão dadas, por telefone, informações a respeito de datas, locais e horários de realização das
provas. O candidato deverá observar rigorosamente os editais e os comunicados a serem divulgados na
forma do subitem 14.2.
14.6 O candidato deverá comparecer ao local designado para a realização das provas com antecedência
mínima de uma hora do horário fixado para o seu início, munido de caneta esferográfica de tinta preta,
fabricada em material transparente, do comprovante de inscrição e do documento de identidade
original.
14.7 Serão considerados documentos de identidade: carteiras expedidas pelos Comandos Militares, pelas
Secretarias de Segurança Pública, pelos Institutos de Identificação e pelos Corpos de Bombeiros
Militares; carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional (ordens, conselhos
etc.); passaporte brasileiro; certificado de reservista; carteiras funcionais do Ministério Público; carteiras
funcionais expedidas por órgão público que, por lei federal, valham como identidade; carteira de trabalho;
carteira nacional de habilitação (somente o modelo aprovado pelo artigo 159 da Lei n.º 9.503, de 23 de
setembro de 1997).
14.7.1 Não serão aceitos como documentos de identidade: certidões de nascimento, CPF, títulos
eleitorais, carteiras de motorista (modelo antigo), carteiras de estudante, carteiras funcionais sem valor de
identidade, nem documentos ilegíveis, não-identificáveis e/ou danificados.
14.7.2 Não será aceita cópia do documento de identidade, ainda que autenticada, nem protocolo do
documento.
14.8 Por ocasião da realização das provas, o candidato que não apresentar documento de identidade
original, na forma definida no subitem 14.7 deste edital, não poderá fazer as provas e será
automaticamente eliminado do concurso público.
14.9 Caso o candidato esteja impossibilitado de apresentar, no dia de realização das provas, documento de
identidade original, por motivo de perda, roubo ou furto, deverá ser apresentado documento que ateste o
registro da ocorrência em órgão policial, expedido há, no máximo, noventa dias, ocasião em que será
submetido à identificação especial, compreendendo coleta de dados, de assinaturas e de impressão digital
em formulário próprio.
14.9.1 A identificação especial será exigida, também, ao candidato cujo documento de identificação
apresente dúvidas relativas à fisionomia ou à assinatura do portador.
14.10 Para a segurança dos candidatos e a garantia da lisura do certame, o CESPE/UnB poderá proceder,
como forma de identificação, à coleta da impressão digital de todos os candidatos no dia de realização das
provas.
14.11 Não serão aplicadas provas em local, data ou horário diferentes dos predeterminados em edital ou
em comunicado.
14.12 Não será admitido ingresso de candidato no local de realização das provas após o horário fixado
para o seu início.
14.13 O candidato que se retirar do ambiente de provas não poderá retornar em hipótese alguma.
16
14.14 O candidato somente poderá retirar-se do local de realização das provas levando o caderno de
provas e a folha de rascunho, que é de preenchimento facultativo, no decurso dos últimos quinze minutos
anteriores ao horário determinado para o término das provas.
14.15 Não haverá, por qualquer motivo, prorrogação do tempo previsto para a aplicação das provas em
razão do afastamento de candidato da sala de provas.
14.16 Não haverá segunda chamada para a realização das provas. O não-comparecimento a estas
implicará a eliminação automática do candidato.
14.17 Não será permitida, durante a realização das provas, a comunicação entre os candidatos nem a
utilização de máquinas calculadoras e/ou similares, livros, anotações, réguas de cálculo, impressos ou
qualquer outro material de consulta, inclusive códigos e/ou legislação.
14.18 No dia de realização das provas, não será permitido ao candidato entrar no ambiente de provas
portando aparelhos eletrônicos, tais como bip, telefone celular, walkman, agenda eletrônica, notebook,
palmtop, receptor, gravador, máquina de calcular, máquina fotográfica etc.
14.18.1 Não será permitida a entrada de candidatos no ambiente de provas com armas. O candidato que
estiver armado será encaminhado à Coordenação.
14.18.2 Não será permitida a entrada de candidato na sala de provas usando relógio de qualquer espécie,
óculos escuros ou quaisquer acessórios de chapelaria, tais como chapéu, boné, gorro etc.
14.18.3 O CESPE/UnB não se responsabilizará por perdas ou extravios de objetos ou de equipamentos
eletrônicos ocorridos durante a realização das provas, nem por danos neles causados.
14.19 O CESPE/UnB poderá submeter os candidatos ao sistema de detecção de metal nos candidatos no
momento da sua entrada na sala de provas.
14.20 O candidato deverá permanecer obrigatoriamente no local de realização das provas por, no
mínimo, uma hora após o início das provas.
14.20.1 A inobservância do subitem anterior acarretará a não-correção das provas e, conseqüentemente, a
eliminação do candidato no concurso público.
14.21 O CESPE/UnB manterá um marcador de tempo em cada sala de provas para fins de
acompanhamento pelos candidatos.
14.22 Terá suas provas anuladas e será automaticamente eliminado do concurso público o candidato que,
durante a sua realização:
a) for surpreendido dando ou recebendo auxílio para a execução das provas;
b) utilizar-se de livros, máquinas de calcular ou equipamento similar, dicionário, notas ou impressos que
não forem expressamente permitidos ou que se comunicar com outro candidato;
c) for surpreendido portando telefone celular, gravador, receptor, pagers, notebook, máquina fotográfica
e/ou equipamento similar;
d) faltar com o devido respeito para com qualquer membro da equipe de aplicação das provas, com as
autoridades presentes ou com os demais candidatos;
e) fizer anotação de informações relativas às suas respostas no comprovante de inscrição ou em qualquer
outro meio, que não os permitidos;
f) recusar-se a entregar o material das provas ao término do tempo destinado para a sua realização;
g) afastar-se da sala, a qualquer tempo, sem o acompanhamento de fiscal;
h) ausentar-se da sala, a qualquer tempo, portando a folha de respostas;
i) descumprir as instruções contidas no caderno de provas, na folha de respostas ou na folha de rascunho;
j) perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos, incorrendo em comportamento indevido;
k) utilizar ou tentar utilizar meios fraudulentos ou ilegais para obter aprovação própria ou de terceiros, em
qualquer etapa do concurso público;
l) não permitir a coleta de sua assinatura e de sua impressão digital.
14.23 No dia de realização das provas, não serão fornecidas, por qualquer membro da equipe de aplicação
destas e/ou pelas autoridades presentes, informações referentes ao seu conteúdo e/ou aos critérios de
avaliação e de classificação.
14.24 Se, a qualquer tempo, for constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual, grafológico ou por
investigação policial, ter o candidato se utilizado de processo ilícito, suas provas serão anuladas e ele será
17
automaticamente eliminado do concurso público.
14.25 O descumprimento de quaisquer das instruções supracitadas implicará a eliminação do candidato,
constituindo tentativa de fraude.
14.26 Os candidatos aprovados e contratados serão, durante o período de contrato de experiência,
submetidos a programa de capacitação, devendo obter desempenho satisfatório para a manutenção do
vínculo empregatício com a CAEMA.
14.27 O prazo de validade do concurso será de dois anos, prorrogável por igual período.
14.28 Além dos candidatos aprovados nos cargos de Administrador, Analista de Sistemas, Assistente
Social, Bibliotecário, Contador e Economista, formarão o cadastro de reservas os candidatos excedentes
aprovados nos demais cargos.
14.29 O candidato deverá manter atualizado o seu endereço no CESPE/UnB, por meio de requerimento a
ser enviado ao Núcleo de Atendimento ao Candidato, enquanto estiver participando do concurso, e na
Companhia de Águas e Esgotos do Maranhão, se aprovado. Serão de exclusiva responsabilidade do
candidato os prejuízos advindos da não-atualização de seu endereço.
14.30 Os casos omissos serão resolvidos pelo CESPE/UnB, juntamente com a Companhia de Águas e
Esgotos do Maranhão.
14.31 Legislação com entrada em vigor após a data de publicação deste edital, bem como alterações em
dispositivos legais e normativos a ele posteriores não serão objeto de avaliação nas provas do concurso.
15 DOS OBJETOS DE AVALIAÇÃO (HABILIDADES E CONHECIMENTOS)
15.1 HABILIDADES
15.1.1 As questões das provas objetivas poderão avaliar habilidades que vão além de mero conhecimento
memorizado, abrangendo compreensão, aplicação, análise, síntese e avaliação, valorizando a capacidade
de raciocínio.
15.1.2 Cada questão das provas objetivas poderá contemplar mais de uma habilidade e conhecimentos
relativos a mais de uma área de conhecimento.
15.2 CONHECIMENTOS
15.2.1 Nas provas objetivas, serão avaliados, além das habilidades mentais, conhecimentos, conforme
especificação a seguir.
15.2.1.1 CONHECIMENTOS BÁSICOS PARA OS CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E MÉDIO
LÍNGUA PORTUGUESA: 1 Compreensão e interpretação de textos. 2 Tipologia textual. 3 Ortografia
oficial. 4 Acentuação gráfica. 5 Emprego das classes de palavras. 6 Emprego do sinal indicativo de crase.
7 Sintaxe da oração e do período. 8 Pontuação. 9 Concordância nominal e verbal. 10 Regência nominal e
verbal. 11 Significação das palavras. 12 Redação de correspondências oficiais.
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 1 Conceito de Internet e Intranet. 2 Principais navegadores para
Internet. 3 Correio Eletrônico. 4 Principais aplicativos comerciais para edição de textos e planilhas. 5
Procedimento para a realização de cópias de segurança. 6 Sistema de arquivo, sistema de entrada, saída e
armazenamento e métodos de acesso.
ATUALIDADES: Domínio de tópicos atuais e relevantes de diversas áreas, tais como política,
economia, sociedade, educação, tecnologia, energia, relações internacionais, desenvolvimento
sustentável, segurança, artes e literatura, e suas vinculações históricas.
15.2.1.2 CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS PARA OS CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E
MÉDIO
CARGO 1: ADMINISTRADOR: 1 Gestão de pessoas; desenvolvimento de recursos humanos e
seguridade. 2 Orçamento e finanças públicos. 3 Gestão de Material, Patrimônio e Serviços Gerais. 4
Organização e Métodos de Trabalho. 5 Metodologias de gestão da informação. 6 Mapeamento de
Processos. 7 Ergonomia. 8 Informática e Processamento Eletrônico de Dados: conceitos gerais. 9
Desenvolvimento Organizacional. 10 Técnicas de negociação. 11 Técnicas de consultoria administrativa.
12 Técnicas de gerenciamento de projetos. 13 Ferramentas de planejamento estratégico: matriz Swot,
diagrama de Ishikawa, gráfico de Pareto. 14 Gestão do Conhecimento: mapa do conhecimento, espiral do
conhecimento, compartilhamento do conhecimento. 15 Nova gestão pública: origem, conceitos e
características.
18
CARGO 2: ANALISTA DE SISTEMAS: 1 Informática. 1.1 Conceitos básicos. 1.2 Conceitos
fundamentais sobre processamento de dados. 1.3 Sistemas de numeração, aritmética de complementos e
ponto flutuante. 1.4 Organização e arquitetura e componentes funcionais de computadores. 1.5
Características físicas dos principais periféricos e dispositivos de armazenamento secundário. 1.6
Representação e armazenamento da informação. 1.7 Organização lógica e física de arquivos. 1.8 Métodos
de acesso. 1.9 Estrutura e organização do hardware de redes de comunicação de dados. 1.10 Conceitos e
funções dos principais softwares básicos e aplicativos. 1.11 Internet: modelo hipermídia de páginas e elos,
World Wide Web, padrões da tecnologia Web, intranets. 2 Programação. 2.1 Construção de algoritmos:
tipos de dados simples e estruturados, variáveis e constantes, comandos de atribuição, avaliação de
expressões, comandos de entrada e saída, funções pré-definidas, conceito de bloco de comandos,
estruturas de controle, subprogramação, passagem de parâmetros, recursividade; programação
estruturada. 2.2 Estrutura de dados: conceitos básicos sobre tipos abstratos de dados, estruturas lineares e
não-lineares, contigüidade versus encadeamento, estudo de listas, pilhas, filas, árvores, deques, métodos
de busca, insersão e ordenação, hashing. 2.3 Orientação a objetos: conceitos fundamentais, princípios de
programação orientada a objetos. 2.4 Linguagens orientadas a objetos: C++, VISUAL BASIC e Java. 3
Fundamentos de sistemas operacionais: conceito, funções, características, componentes e classificação.
3.1 Sistemas de arquivos: facilidades esperadas, diretórios e direitos de acesso, compartilhamento e
segurança, integridade, interrupções: conceito de interrupção, tipos e tratamento. 3.2 Escalonamento de
tarefas: conceito de processo, estados e identificador, objetivos e políticas de escalonamento. 3.3
Gerenciamento de memória: organização, administração e hierarquia de memória, sistemas mono e
multiprogramados, memória virtual. 3.4 Escalonamento de discos: políticas de otimização, considerações
sobre desempenho. 3.5 Interoperação de sistemas operacionais. 3.6 Sistemas distribuídos: clusters e redes.
3.7 Interfaces gráficas (GUI). 3.8 Família Windows. 3.9 Sistemas UNIX. 4 Desenvolvimento de
aplicações e bancos de dados. 4.1 Princípios de engenharia de software. 4.2 Ciclo de vida de um software-
produto. 4.3 Ciclo de desenvolvimento de um software-produto. 4.4 Modelos de desenvolvimento. 4.5
Análise e técnicas de levantamento de requisitos. 4.6 Análise e projeto de sistemas. 4.7 Técnicas e
estratégias de validação. 4.8 Visão conceitual sobre ferramentas CASE. 4.9 Linguagens visuais e
orientação por eventos. 4.10 Projeto de interfaces. 4.11 Análise e projeto orientados a objetos. 4.12
Arquitetura de aplicações para o ambiente Internet. 4.13 Modelagem de dados e projeto lógico para
ambiente relacional. 4.14 Modelo entidades/relacionamentos. 4.15 Álgebra relacional. 4.16 Modelo
relacional. 4.17 SQL. 4.18 Arquitetura cliente-servidor: tecnologia usada em clientes e em servidores,
tecnologia usada em redes, arquitetura e políticas de armazenamento de dados e funções, Triggers e
procedimentos armazenados, controle e processamento de transações. 5 Comunicação de dados, redes e
conectividade. 5.1 Evolução dos sistemas de computação. 5.2 Evolução das arquiteturas. 5.3 Redes de
Computadores. 5.4 Topologias: linhas de comunicação, redes geograficamente distribuídas, topologias
em estrela, anel e barra, hubs e switches. 5.5 Transmissão de informação: banda passante, taxa de
transmissão máxima de um canal, formas de distorção de sinais em transmissão. 5.6 Meios de
transmissão: par trançado, cabo coaxial, fibras óticas, outros meios de comunicação. 5.7 Ligação ao meio:
ponto a ponto, multiponto, redes de fibra ótica. 5.8 Arquiteturas de redes de computadores. 5.9 Modelo
OSI da ISO. 5.10 Principais funções dos níveis físico, enlace, rede, transporte, sessão, apresentação e
aplicação.
CARGO 3: ASSISTENTE SOCIAL: 1 O debate contemporâneo sobre o serviço social e as demandas
sociais para a profissão. 2 Políticas sociais públicas, cidadania e direitos sociais. 3 Avaliação de políticas
sociais e de proteção ambiental. 4 A assistência social como garantia de direitos – seguridade social
(saúde, assistência e previdência). 5 A intervenção do assistente social nas condições e relações de
trabalho. 6 Instrumentos de intervenção: diagnóstico, entrevista. 7 O assistente social na construção e
desenvolvimento do projeto político pedagógico, atuação multidisciplinar. 8 Absenteísmo: causas e
conseqüências no trabalho. 9 Política nacional e estadual da assistência social. 10 Normas operacional e
básica da assistência social. 11 Ética e legislação profissional. 12 Treinamento e desenvolvimento:
concepção, diagnóstico e avaliação de projetos e programas. 13 Planejamento: instrumentos,
metodologias e indicadores de resultados. 14 Estatuto do idoso (Lei n.º 10.741, de 17/10/2003); Estatuto
19
da Criança e do Adolescente (ECA) (Lei n.º 8.069, de 13/07/90); Lei de Acessibilidade (Lei n.º 10.098,
de 19/12/200); Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS – Lei n.º 8.742, de 7/9/1992).
CARGO 4: BIBLIOTECÁRIO: 1 Documentação: conceitos básicos e finalidades da documentação
geral. 2 Biblioteconomia e ciência da informação. 2.1 Conceitos básicos e finalidades. 2.2 Noções de
informática para bibliotecas: dispositivos de memória, de entrada e saída de dados. 3 Normas técnicas
para a área de documentação: referência bibliográfica (de acordo com as normas da ABNT – NBR 6023),
resumos, abreviação de títulos de periódicos e publicações seriadas, sumário, preparação de índices de
publicações, preparação de guias de bibliotecas, centros de informação e de documentação. 4 Indexação:
conceito, definição, linguagens de indexação, descritores, processos de indexação, tipos de indexação. 5
Resumos e índices: tipos e funções. 6 Classificação decimal universal (CDU): estrutura, princípios e
índices principais e emprego das tabelas auxiliares. 7 Catalogação (AACR-2): catalogação descritiva,
entradas e cabeçalhos; catalogação de multimeios: CD-ROM, fitas de vídeos e fitas cassetes. 8 Catálogo:
tipos e funções. 9 Organização e administração de bibliotecas: princípios e funções administrativas em
bibliotecas, estrutura organizacional, as grandes áreas funcionais da biblioteca, marketing; centros de
documentação e serviços de informação: planejamento, redes e sistemas. 10 Desenvolvimento de
coleções: políticas de seleção e de aquisição, avaliação de coleções; fontes de informação: enciclopédias e
dicionários de direito. 11 Estrutura e características das publicações: DOU e DJ. 12 Serviço de referência:
organização de serviços de notificação corrente (serviços de alerta), disseminação seletiva da informação
(DSI): estratégia de busca de informação, planejamento e etapas de elaboração, atendimento ao usuário.
13 Estudo de usuário-entrevista. 14 Automação: formato de intercâmbio, formato US MARC, banco de
dados, base de dados, planejamento da automação, principais sistemas de informação automatizados
nacionais e internacionais. 15 Bibliografia: conceituação, teorias, classificação, histórico e objetivos. 16
Identificação e conhecimento das principais fontes jurídicas de informação nos diversos tipos de suporte.
CARGO 5: CONTADOR: 1 Matemática financeira. 1.1 Juros simples: montante, capital, prazo e taxa;
desconto simples racional e comercial; equivalência de capitais, fluxos de caixa e de taxas. 1.2 Juros
compostos: montante, capital, prazo e taxa; desconto composto racional e comercial; equivalência de
capitais, fluxos de caixa e de taxas. 1.3 Taxas de juros: taxas nominais, efetivas e equivalentes. 1.4 Séries
de pagamento (rendas certas ou anuidades): estrutura, fluxos de caixa e classificação; taxa de juros,
prestações, prazos, capitais e montantes. 1.5 Sistemas de amortização: sistema de amortização progressiva
– SAP (Sistema Francês, Tabela Price); sistema de amortização constante – SAC; Sistema de amortização
misto – SAM. 2 Contabilidade geral e demonstrações contábeis. 2.1 Contabilidade: conceito, objeto, fins,
campo de aplicação, usuários. 2.2 Métodos de avaliação de estoques, segundo a legislação societária e
fiscal. 2.3 Avaliação dos componentes patrimoniais. 2.4 Fatos contábeis. 2.5 Princípios fundamentais de
contabilidade: conceito e aplicação segundo as Normas Brasileiras de Contabilidade (NBC). 2.6
Inventário. 2.7 Escrituração. 2.8 Demonstrações contábeis: conceito, finalidade, importância, época e
forma de elaboração, estruturação e consolidação. 2.9 Análise das demonstrações contábeis: conceito e
finalidade. Análise horizontal, vertical, por quocientes. Estrutura do ativo, do passivo, patrimônio líquido
e de resultados, para fins de análise. 3 Contabilidade pública, administração orçamentária e financeira. 3.1
Necessidades e serviços públicos. 3.2 Controle na administração pública. 3.3 O grupo econômico estatal.
3.4 Patrimônio das entidades públicas. 3.5 Bens públicos. 3.6 Dívida pública. 3.7 Avaliação dos
componentes patrimoniais. 3.8 A gestão das entidades públicas. 3.9 Período administrativo e exercício
financeiro. 3.10 Regimes contábeis. 3.11 Receita pública e despesa pública. 3.12 Fases administrativas da
receita e da despesa orçamentária. 3.13 O regime de adiantamento de numerário. 3.14 O inventário. 3.15
A escrituração das operações típicas das entidades públicas. 3.16 A determinação dos resultados do
exercício. 3.17 Balanços orçamentários, financeiro e patrimonial. 3.18 Demonstração das variações
patrimoniais. 3.19 Prestação e julgamento de contas governamentais. 4 Licitações. Conceito, objeto,
finalidades e princípios. Dispensa e inexigibilidade. Vedações. Modalidades. Procedimentos e fases.
Revogação e invalidação. 5 Auditoria. 5.1 Aspectos gerais - princípios e normas. 5.2 Ética profissional.
5.3 Responsabilidade do auditor. 5.4 Procedimentos e técnicas de trabalho. 5.5 Meios de prova - exames,
testes, amostragens, estabelecimento de relevância, eventos subseqüentes, confirmações com terceiros e
papéis de trabalho. 5.6 Diferenças entre auditoria externa e interna. 5.7 Auditoria interna - conceito,
20
funções, objetivos e atribuições. 5.8 Avaliação dos controles internos, revisão analítica, conferência de
cálculos, inspeção de documentos, programas de trabalho, segregação de funções, análise do custo dos
controles x benefícios, confronto dos ativos com os registros contábeis e auxiliares e acompanhamento de
inventários. 5.9 Relatório-comentário.
CARGO 6: ECONOMISTA: 1 Análise macroeconômica. 1.1 Contabilidade nacional. 1.2 Renda
nacional. 1.3 Produto nacional. 1.4 Consumo. 1.5 Poupança. 1.6 Investimento. 1.7 Política fiscal e
monetária. 1.8 Inflação. 1.9 Moeda e crédito. 1.10 Desenvolvimento econômico. 2 Análise
microeconômica. 2.1 Oferta e procura. 2.2 Equilíbrio do consumidor. 2.3 Equilíbrio da firma. 2.4
Mecanismo de formação de preços. 2.5 Regimes de concorrência. 2.6 Teoria da produção. 3 Economia
internacional. 3.1 Balanço de pagamentos. 3.2 Comércio internacional. 3.3 Taxas de câmbio. 3.4 Sistema
financeiro internacional. 4 Economia brasileira. 4.1 Industrialização brasileira. 4.2 Desenvolvimento
econômico. 4.3 Processo inflacionário brasileiro. 4.4 Orçamento da União. 5 Matemática financeira. 5.1
Regra de três simples e composta, percentagens. 5.2 Juros simples e compostos: capitalização e desconto.
5.3 Taxas de juros: nominal, efetiva, equivalentes, real e aparente. 5.4 Rendas uniformes e variáveis. 5.5
Planos de amortização de empréstimos e financiamentos. 5.6 Cálculo financeiro: custo real efetivo de
operações de financiamento, empréstimo e investimento. 5.7 Avaliação de alternativas de investimento. 6
Avaliação econômica de projetos. 6.1 Taxa interna de retorno e valor presente líquido de um fluxo de
caixa. 6.2 Comparação de alternativas de investimento e financiamento. 7 Contabilidade geral. 7.1
Noções de contabilidade. 7.2 Análise das demonstrações financeiras. 8 Administração financeira. 8.1
Análise de fluxo de caixa. 8.2 Análise de capital de giro. 8.3 Princípios gerais de alavancagem. 8.4
Análise do equilíbrio operacional. 9 Contabilidade gerencial. 9.1 Relações custo versus volume versus
lucro. 9.2 Sistemas de custeamento. 9.3 Orçamento. 9.4 Centro de lucro e preços de transferências. 9.5
Padrões de comportamento de custos. 9.6 Contabilidade por responsabilidade. 10 Aspectos tributários –
conceito, principais tributos e seus impactos nos negócios empresariais.
CARGO 7: MÉDICO DO TRABALHO: 1 Noções gerais de medicina. 1.1 Bioestatística. 1.2
Epidemiologia. 1.3 Sistemas imunitário e suas doenças. 1.4 Moléstias infecciosas. 1.5 Sistema nervoso e
suas doenças. 1.6 Sistema respiratório e suas doenças. 1.7 Sistema cardiovascular e suas doenças. 1.8
Sistema genito-urinário e suas doenças. 1.9 Sistema digestivo e suas doenças. 1.10 Doenças
hematológicas e hematopoiéticas. 1.11 Ortopedia e traumatologia. 1.12 Distúrbios nutricionais. 1.13
Metabolismo e suas doenças. 1.14 Sistema endócrino e suas doenças. 1.15 Genética e noções de doenças
hereditárias. 1.16 Dermatologia. 1.17 Psiquismo e suas doenças. 2 Noções específicas ligadas à saúde do
trabalhador. 2.1 Noções de estatística em medicina do trabalho. 2.2 Acidentes do trabalho: definições e
prevenção. 2.3 Noções de saneamento ambiental. 2.4 Noções de legislação acidentária. 2.5 Noções de
legislação de saúde e segurança do trabalho. 2.6 Previdência Social: funcionamento e legislação. 2.7
Noções de fisiologia do trabalho (visão, audição, metabolismo e alimentação, sistemas respiratório,
cardiovascular, osteoarticular). 2.8 Noções de atividade e carga de trabalho. 2.9 Noções de atividade
física e riscos à saúde. 2.10 Trabalho sob pressão temporal e riscos à saúde. 2.11 Trabalho noturno e em
turnos: riscos à saúde, noções de cronobiologia, novas tecnologias, automação e riscos à saúde. 2.12
Agentes físicos e riscos à saúde. 2.13 Agentes químicos e riscos à saúde. 2.14 Noções de toxicologia. 2.15
Sofrimento psíquico e psicopatologia do trabalho (inclusive com relação ao álcool e às drogas). 2.16
Doenças profissionais e doenças ligadas ao trabalho (pneumoconioses, asmas profissionais, câncer de
pele, surdez, hepatopatias, nefropatias, doenças do aparelho ósteo-articular, doenças infecciosas, doenças
cardio-circulatórias, hematopatias, entre outras). 2.17 Riscos ligados a setores de atividade com especial
atenção à condução de veículos. 2.18 Noções de avaliação e controle dos riscos ligados ao ambiente de
trabalho. 2.19 Noções de acompanhamento médico de portadores de doenças crônicas em medicina do
trabalho. 2.20 Noções de funcionamento de um serviço de medicina e segurança do trabalho em
empresas. 2.21 Noções de ergonomia e melhoria das condições de trabalho. 2.22 Conhecimento sobre
etiologia das DORTs e sobre fatores estressantes em ambiente de trabalho.
CARGO 8: AGENTE ADMINISTRATIVO I – ÁREA: APOIO ADMINISTRATIVO –
ATIVIDADE: ATENDENTE COMERCIAL: 1 Matemática financeira. 1.1 Juros simples: montante,
capital, prazo e taxa; desconto simples racional e comercial; equivalência de capitais, fluxos de caixa e de
21
taxas. 1.2 Juros compostos: montante, capital, prazo e taxa; desconto composto racional e comercial;
equivalência de capitais, fluxos de caixa e de taxas. 1.3 Taxas de juros: taxas nominais, efetivas e
equivalentes. 1.4 Séries de pagamento (rendas certas ou anuidades): estrutura, fluxos de caixa e
classificação; taxa de juros, prestações, prazos, capitais e montantes. 1.5 Sistemas de amortização:
sistema de amortização progressiva – SAP (Sistema Francês, Tabela Price); sistema de amortização
constante – SAC; Sistema de amortização misto – SAM. 2 Noções básicas sobre o Código de Defesa do
Consumidor. 3 Regulamento de Serviços da CAEMA. 4. Relações Humanas.
CARGO 9: AGENTE ADMINISTRATIVO I – ÁREA: APOIO ADMINISTRATIVO –
ATIVIDADE: AUXILIAR DE ADMINISTRAÇÃO 1 Gestão de pessoas; desenvolvimento de recursos
humanos e seguridade. 2 Orçamento e finanças públicos. 3 Gestão de Material, Patrimônio e Serviços
Gerais. 4 Organização e Métodos de Trabalho. 5 Metodologias de gestão da informação. 6 Gestão de
Processos. 7 Técnicas de negociação. 8. Relações Humanas. 9 Matemática financeira. 9.1 Juros simples:
montante, capital, prazo e taxa; desconto simples racional e comercial; equivalência de capitais, fluxos de
caixa e de taxas. 9.2 Juros compostos: montante, capital, prazo e taxa; desconto composto racional e
comercial; equivalência de capitais, fluxos de caixa e de taxas. 9.3 Taxas de juros: taxas nominais,
efetivas e equivalentes. 9.4 Séries de pagamento (rendas certas ou anuidades): estrutura, fluxos de caixa e
classificação; taxa de juros, prestações, prazos, capitais e montantes. 9.5 Sistemas de amortização:
sistema de amortização progressiva – SAP (Sistema Francês, Tabela Price); sistema de amortização
constante – SAC; Sistema de amortização misto – SAM. 10 Noções básicas sobre o Código de Defesa do
Consumidor. 11 Regulamento de Serviços da CAEMA.
CARGO 10: ASSISTENTE OPERACIONAL I - ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: LEITURISTA: 1 Sistemas de água e esgotos: princípios básicos. 2 Noções de segurança
individual, coletiva e de instalações. 3 Identificação e uso de ferramentas para eletricidade, hidráulica e
mecânica/eletricidade. 4 Redes hidráulicas. 4.1 Componentes. 4.2 Instalação e inspeção. 4.3 Manutenção
e reparos. 4.4 Bombas hidráulicas. 4.5 Instalações hidro-sanitárias. 5 Noções básicas sobre o Código de
Defesa do Consumidor. 6 Regulamento de Serviços da CAEMA.
CARGO 11: ASSISTENTE OPERACIONAL I - ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: OPERADOR DE SISTEMAS: 1 Sistemas de água e esgotos: princípios básicos. 2
Noções de segurança individual, coletiva e de instalações. 3 Identificação e uso de ferramentas para
eletricidade, hidráulica e mecânica/eletricidade. 4 Redes hidráulicas. 4.1 Componentes. 4.2 Instalação e
inspeção. 4.3 Manutenção e reparos. 4.4 Bombas hidráulicas. 4.5 Instalações hidro-sanitárias.
CARGO 12: ASSISTENTE OPERACIONAL I - ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: ENCANADOR
1 Sistemas de água e esgotos: princípios básicos. 2 Noções de segurança individual, coletiva e de
instalações. 3 Identificação e uso de ferramentas para eletricidade, hidráulica e mecânica/eletricidade. 4
Redes hidráulicas. 4.1 Componentes. 4.2 Instalação e inspeção. 4.3 Manutenção e reparos. 4.4 Bombas
hidráulicas. 4.5 Instalações hidro-sanitárias.
CARGO 13: ASSISTENTE OPERACIONAL II – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: ENCANADOR I: 1 Sistemas de água e esgotos: princípios básicos. 2 Noções de
segurança individual, coletiva e de instalações. 3 Identificação e uso de ferramentas para eletricidade,
hidráulica e mecânica/eletricidade. 4 Redes hidráulicas. 4.1 Componentes. 4.2 Instalação e inspeção. 4.3
Manutenção e reparos. 4.4 Bombas hidráulicas. 4.5 Instalações hidro-sanitárias.
CARGO 14: ASSISTENTE OPERACIONAL III - ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: OPERADOR DE ELEVATÓRIA: 1 Conexões de tubulações – montagem e
desmontagem. 2 Conhecimentos de válvulas e registros – funcionamento, montagem e desmontagem. 3
Montagem e desmontagem de bombas centrífugas. 4 Alinhamento de conjuntos de moto-bombas. 5
Instrumentos de medição. 6 Lubrificação. 7 Conhecimentos básicos de química e biologia: análise físico-
química e bacteriológica. 8 Manuseio de produtos químicos. 9 Conhecimentos básicos de elétrica e
mecânica. 10 Conhecimentos elétricos e equipamentos eletrônicos. 11 Conhecimentos de hidráulica.
CARGO 15: ASSISTENTE OPERACIONAL III - ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: OPERADOR DE ETA: 1 Conexões de tubulações – montagem e desmontagem. 2
22
Conhecimentos de válvulas e registros – funcionamento, montagem e desmontagem. 3 Montagem e
desmontagem de bombas centrífugas. 4 Alinhamento de conjuntos de moto-bombas. 5 Instrumentos de
medição. 6 Lubrificação. 7 Conhecimentos de química e biologia (análise físico-química e
bacteriológica). 8 Manuseio de produtos químicos. 9 Conhecimentos básicos de química e biologia:
análise físico-química e bacteriológica. 10 Conhecimentos elétricos e equipamentos eletrônicos. 11
Conhecimentos de hidráulica.
CARGO 16: TÉCNICO ADMINISTRATIVO - ÁREA: APOIO ADMINISTRATIVO –
ATIVIDADE: ASSISTENTE ADMINISTRATIVO: 1 Técnicas de atendimento ao público; Relações
humanas e relações públicas. 2 Técnicas de arquivamento: classificação, organização, arquivos correntes
e protocolo. 3 Procedimentos administrativos. 4 Noções de processos licitatórios. 5 Noções de
administração financeira, de recursos humanos e de material. 6 Cidadania e ética. 7 Noções básicas sobre
o Código de Defesa do Consumidor. 8 Regulamento de Serviços da CAEMA.
CARGO 17: TÉCNICO ADMINISTRATIVO - ÁREA: APOIO ADMINISTRATIVO –
ATIVIDADE: TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO: 1 Legislação específica. 1.1 Lei n.º
6.514, de 22/12/1977. 1.2 Normas regulamentadoras (NR) aprovadas pela Portaria n.º 3.214, de 8/6/1978.
1.3 Legislações complementares. 1.4 Normas de segurança da ABNT. 2 Acidente de trabalho: conceitos,
registro, comunicação, análise e estatística. 3 Prevenção e controle de riscos. 4 Proteção contra incêndios
e explosões. 5 Gerenciamento de riscos. 6 Higiene industrial. 7 Ergonomia. 8 Doenças do trabalho. 9
Proteção ao meio-ambiente. 10 Gestão integrada de SMS.
CARGO 18: TÉCNICO OPERACIONAL - ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: EDIFICAÇÕES: 1 Orçamentos e medições de obras de água e esgotos. 2 Conhecimento
dos processos de execução de água e esgotos. 3 Compreensão de projetos de rede de água e esgotos. 4
Tecnologia de concreto: execução de traço, controle etc. 5 Resistência de materiais - qualidade de
materiais. 6 Topografia: nível, declividades etc. 7 Tecnologia de concreto armado: recobrimento, testes
etc. 8 Noções de saúde pública. 9 Eletrotécnica básica - circuitos elétricos (monofásico, bifásico, trifásico,
circuito-série, CC, CA, corrente constante). 10 Motores e comandos elétricos - bombas centrífugas e
equipamentos hidromecânicos. 11 Potência. 12 Correção do fator de potência. 13 Medidas elétricas. 14
Motores elétricos. 15 Instalações prediais. 16 Quadros de comando, controle e proteção de motores. 17
Dimensionamento de condutores e proteção. 18 Materiais, equipamentos e dispositivos elétricos e
mecânicos. 19 Segurança do trabalho. 20 Manutenção de equipamentos e ferramentas. 21 Conceitos e
fundamentos aplicados à manutenção de instalações industriais (manutenção preventiva e corretiva). 22
Leitura e interpretação de desenhos técnicos e diagramas. 23 Equipamentos hidromecânicos - alavancas,
roldanas e torque de aperto imposto a um parafuso. 24 Planificação de chapa de um invólucro cilíndrico.
25 Atrito de deslizamento e de rolamento. 26 Dilatação dos materiais, temperatura em escala
termométrica. 27 Desenho de parafusos. 28 Elementos de máquinas. 29 Resistência dos materiais e
ensaios tecnológicos. 30 Tecnologia dos materiais. 31 Noções de hidráulica. 32 Programa Autocad.
CARGO 19: TÉCNICO OPERACIONAL - ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: ELETROMECÂNICA: 1 Noções de transdutores: temperatura, pressão, corrente etc. 2
Calibração de circuitos eletrônicos. 3 Medição em osciloscópio. Injeção de sinais em circuitos elétricos. 4
Identificação de componentes com defeito. 5 Fontes chaveadas. 6 Noções de saúde pública. 7
Eletrotécnica básica - circuitos elétricos (monofásico, bifásico, trifásico, circuito-série, CC, CA, corrente
constante). 8 Motores e comandos elétricos - bombas centrífugas e equipamentos hidromecânicos. 9
Potência. 10 Correção do fator de potência. 11 Medidas elétricas. 12 Motores elétricos. 13 Instalações
prediais. 14 Quadros de comando, controle e proteção de motores. 15 Dimensionamento de condutores e
proteção. 16 Materiais, equipamentos e dispositivos elétricos e mecânicos. 17 Segurança do trabalho. 18
Manutenção de equipamentos e ferramentas. 19 Conceitos e fundamentos aplicados à manutenção de
instalações industriais (manutenção preventiva e corretiva). 20 Leitura e interpretação de desenhos
técnicos e diagramas. 21 Desenho de parafusos. 22 Elementos de máquinas. 23 Resistência dos materiais
e ensaios tecnológicos. 24 Tecnologia dos materiais. 25 Noções de hidráulica. 26 Eletrotécnica. 27
Noções de automação: noções de circuitos lógicos, princípio de controle seqüencial e circuitos básicos,
diagramas de comando, controlador lógico programável, arquitetura digitais e interface homem-máquina.
23
CARGO 20: TÉCNICO OPERACIONAL - ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: MECÂNICA: 1 Resistência dos materiais. 2 Bombas hidráulicas. 3 Mecânica aplicada às
máquinas. 4 Manutenção mecânica dos equipamentos e sistemas de água e esgotos. 5 Usinagem de
metais. 5 Técnicas de manutenção preventiva e preditiva. 6 Soldagem. 7 Metrologia.
CARGO 21: TÉCNICO OPERACIONAL - ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: QUÍMICA: 1 Vidraria de laboratório. 2 Noções básicas de instrumentação de laboratório.
3 Produtos químicos utilizados em tratamento de água. 4 Determinação analítica de água e esgoto. 5
Processos de tratamento de água e esgoto. 6 Microbiologia - descontaminação e descarte de resíduos
contaminados, esterilização, exame bacteriológico de água e esgoto. 7 Legislação - Portaria nº
1469/GM/MS de 29/12/2000. 8 Sistema de unidades (medidas). 9 Estequiometria: princípio da
conservação da massa, aplicação reações químicas. 10 Soluções. 11 Ácidos e bases. 12 Equilíbrio
químico. 13 Equilíbrio iônico. 14 Introdução à química orgânica. 15 Cadeias carbônicas. 16 Colorimetria,
fotometria, espectrofotometria e potenciometria. 17 Curvas padrão. 18 Erros e desvio em medidas de
laboratório. 19 Segurança de laboratório. 20 Soluções iônicas. 21 Coleta de amostra de água. 22 Uso,
conservação e preparo de materiais utilizados nas análises laboratoriais. 23 Preparo de materiais para
análises laboratoriais. 24 Manejo de equipamentos. 25 Limpeza e conservação de equipamentos e vidraria
em geral. 26 Organização e comportamento laboratorial. 27 Padronização e controle de qualidade das
técnicas. 28 Processos operacionais: aeração, coagulação, floculação, decantação, filtração, correção de
pH, desinfecção, aplicação de flúor e vazão volumétrica.
CARGO 22: TÉCNICO OPERACIONAL - ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: SANEAMENTO: 1 Sistemas de água e esgotos: princípios básicos. 2 Sistema
condominial de esgotamento sanitário: princípios básicos. 3 Dimensionamento de redes e processos
executivos. 4 Dimensionamento de elevatórias. 5 Processos de tratamento de água e esgotos. 6 Peças e
tipos de materiais para sistemas de água e esgotos. 7 Educação ambiental. 8 Saúde pública, doenças de
veiculação hídrica. 9 Abastecimento público de água - importância e conceitos de: saúde, saúde pública,
saneamento, doenças de veiculação hídrica. 10 Ciclo hidrológico e recursos hídricos naturais. 11
Características físicas, químicas e biológicas da água. 12 Padrões de potabilidade; controle da qualidade
da água; análises de água: físico-química, bacteriológica e hidrobiológica. 13 Portaria nº 1469/GM/MS.
14 Consumo per-capita, fatores que afetam o consumo, variações de consumo. 15 Projeções de consumo:
projeções de população, distribuição demográfica. 16 Captação de água subterrânea; captação em fontes
de afloramento de água e captação de águas superficiais. 17 Estações de bombeamento, adutoras, estação
de tratamento de água potável, processos de tratamento de água, reservação, subadução, rede de
distribuição, ramais prediais, micro e macromedição, perdas. 18 Manutenção preventiva e corretiva nos
serviços de água e esgoto. 19 Controle de qualidade de materiais. 20 Noções de hidráulica básica para
sistemas de abastecimento de água. 21 Esgotamento sanitário - sistema de coleta de águas residuárias:
ramais prediais, redes coletoras, coletores-tronco, interceptores, estações elevatórias, emissários, estação
de tratamento, tratamentos: preliminar, primário, secundário e terciário. 22 Disposição final das águas
residuárias. 23 Reúso. 24 Estação de condicionamento de lodo de esgoto sanitário. 25 Noções de
hidráulica básica para sistemas de coleta de esgotos. 26 Prevenção e controle de poluição das águas e do
meio ambiente. 27 Sistemas de medição aplicadas ao saneamento. 28 Tarifas de serviços de saneamento.
29 Segurança em serviços de saneamento. 30 Construção e/ou de fiscalização de obras – tubulações
empregadas na construção em sistemas de distribuição de água, coleta de esgoto e drenagem. 31 Locação
de condutos em planta e perfil. 32 Execução de valas. 33 Classificação de material de escavação, reaterro,
esgotamento, segurança de pedestre. 34 Assentamento de tubulações. 35 Obras de proteção: escoramento,
revestimentos anti-corrosão, blocos de ancoragem. 36 Reservatórios. 37 Estações de tratamento de água
e/ou esgoto. 38 Casa de bombas: fundações, poço de sucção, leito filtrante, montagem de materiais e
equipamentos - tubulações, conjuntos elevatórios, válvulas e outros equipamentos hidráulicos. 39
Quadros elétricos, transformadores e proteção contra incêndios. 40 Organização de canteiros de obras. 41
Retirada em geral de vazamentos em canalizações de água e/ou "fugas" em tubulações de esgoto. 42
Limpeza e desinfecção de tubulações. 43 Ligações prediais de água e/ou esgoto. 44 Conhecimentos gerais
sobre eletrotécnica e mecânica. 45 Controle de materiais de obras. 46 Suprimento para operação e
24
manutenção de água e/ou esgoto. 47 Noções de construção civil, concreto, terraplanagem e pavimentação.
48 Interpretação de projetos gráficos. 49 Lei n
o
8.666 de 21/06/1993. 50 Administração de Contratos. 51
Topografia - interpretação de desenhos e plantas. 52 Elaboração de desenhos de várias escalas. 53
Levantamentos planialtimétricos, perfis e curvas de nível. 54 Determinação de níveis de máxima
enchente. 55 Noções de corte, aterro e proteção de taludes. 56 Conhecimentos práticos de trabalhos em
teodolito e níveis em levantamentos topográficos. 57 Cálculos de áreas e volumes através de métodos
topográficos e aritméticos. 58 Redação e elaboração de descrição de registros. 59 Cálculo de coordenadas.
60 Operação de aparelhos de GPS (sistema de posicionamento global). 61 Conhecimentos básicos de
normas ABNT para desenho técnico e cartografia.
15.2.1.3 CONHECIMENTOS GERAIS PARA OS CARGOS DE NÍVEL FUNDAMENTAL
CARGO 23: AUXILIAR OPERACIONAL – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: AUXILIAR DE LABORATÓRIO: I LÍNGUA PORTUGUESA. 1 Compreensão de
texto. 2 Ortografia: acentuação, emprego de letras e divisão silábica. 3 Pontuação. 4 Classes e emprego de
palavras. 5 Gênero e número dos substantivos. 6 Coletivos. 7 Sintaxe da oração. 8 Concordância.
9 Significado das palavras: sinônimos, antônimos, denotação e conotação. II MATEMÁTICA.
1 Conjuntos numéricos. 2 Números naturais, inteiros, racionais e reais. 3 Operações com conjuntos.
4 Fatoração e números primos – divisibilidade, máximo divisor comum e mínimo múltiplo comum.
5 Razões e proporções – regras de três simples e composta. 6 Percentagem, juros simples e compostos,
divisão proporcional. 7 Equações e inequações, sistemas lineares. 8 Noções de geometria – retas, ângulos,
paralelismo e perpendicularismo, triângulos e quadriláteros. 9 Teorema de Pitágoras. 10 Sistemas de
medidas - tempo, massa, comprimento, área, volume etc. 11 Perímetro e área de figuras planas, volumes
de sólidos. III ATUALIDADES SÓCIO-POLÍTICO-ECONÔMICAS.
CARGO 24: AUXILIAR OPERACIONAL – ÁREA: OCUPACIONAL OPERACIONAL –
ATIVIDADE: TRABALHADOR BRAÇAL: 1 Leitura e compreensão de textos curtos. 2 Emprego de
letras. 3 Gênero e número de substantivos. 4 Pontuação: ponto final, ponto de exclamação e ponto de
interrogação. 5 Conhecimentos elementares de matemática. 6 Raciocínio lógico. 7 Atualidades sócio-
político-econômicas.
(*) Republicado por conter incorreções no Edital n.º 1/2005 – CAEMA, de 23 de dezembro de 2005,
publicado no Diário Oficial do Estado do Maranhão de 26 de dezembro de 2005.
SERGIO ROBERTO MENDES DE ARAUJO
Presidente da Comissão
25
ANEXO I
Endereços das agências da CAIXA onde serão recebidas as inscrições ao concurso público para
provimento de vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de nível superior, de nível médio e de
nível fundamental da Companhia de Águas e Esgotos do Maranhão (CAEMA).
UF CIDADE AGÊNCIA ENDEREÇO
MA Açailândia Açailândia Rua Bonaire, n.º 153 – Centro
MA Bacabal Bacabal Rua Oswaldo Cruz, n.º 704 – Centro
MA Barra do Corda Barra do Corda Rua Aarão Brito, n.º 450 – Centro
MA Caxias Caxias Avenida Otávio Passos, n.º 691 – Centro
MA Codó Codó Rua Afonso Pena, n.º 509 – Centro
MA Imperatriz Imperatriz Rua Pernambuco, n.º 911 – Centro
MA Pedreiras Pedreiras Avenida Rio Branco, n.º 552 – Centro
MA Pinheiro Pinheiro Avenida Tarquínio Lopes, n.º 1.200 – Centro
MA Presidente Dutra Presidente Dutra Praça Senador Vitorino Freire, n.º 545 – Centro
MA Santa Inês Santa Inês Avenida Luís Muniz, n.º 1.030 – Centro
MA São Luís Areinha Avenida Senador Vitorino Freire, n.º 2.001 – Areinha
MA São Luís Avenida Kennedy Avenida Kennedy, n.º 1.468 – Fátima
MA São Luís Cidade dos Azulejos Avenida Getúlio Vargas, n.º 1.855 – Fabril
MA São Luís Cohab
Avenida Jerônimo de Albuquerque, bloco D – Cohab/Anil
III
MA São Luís Conceição dos Mulatos Avenida Mal. Castelo Branco, n.º 176 – São Francisco
MA São Luís Gonçalves Dias Rua Sol, n.º 23 – Centro
MA São Luís Praça Deodoro Rua Sol, n.º 440 – Centro
MA São Luís Rua de Santana Rua de Santana – Centro
MA São Luís São Luís Avenida Getúlio Vargas, n.º 247 – João Paulo
MA São Luís Shopping São Luís Avenida Euclides Figueiredo, n.º 1.000, loja 190 – Calhau
MA São Luís Tropical
Avenida Colares Moreira, n.º 444, Monumental – Jardim
Renascença
MA Timon Timon Avenida Presidente Médice, n.º 502 – Centro
26
ANEXO II
CARGO ATIVIDADE CÓDIGO
DE VAGA
LOCALIDADE DE
VAGA
VAGAS
Administrador
1
São Luís
cadastro de
reserva
Analista de Sistemas
2
São Luís
cadastro de
reserva
Assistente Social
3
São Luís
cadastro de
reserva
Bibliotecário
4
São Luís
cadastro de
reserva
Contador
5
São Luís
cadastro de
reserva
Economista
6
São Luís
cadastro de
reserva
Médico do Trabalho 7 São Luís 1
Agente Administrativo I Atendente Comercial 8 São Luís 54
Agente Administrativo I Atendente Comercial 9 São João dos Patos 3
Agente Administrativo I Atendente Comercial 10 Colinas 1
Agente Administrativo I Atendente Comercial 11 Pedreiras 3
Agente Administrativo I Atendente Comercial 12 Timbiras 1
Agente Administrativo I Atendente Comercial 13 Itapecuru 6
Agente Administrativo I Atendente Comercial 14 Morros 1
Agente Administrativo I Atendente Comercial 15 Barreirinhas 1
Agente Administrativo I Atendente Comercial 16 Pinheiro 6
Agente Administrativo I Atendente Comercial 17 São Bento 1
Agente Administrativo I Atendente Comercial 18 Chapadinha 3
Agente Administrativo I Atendente Comercial 19 Imperatriz 5
Agente Administrativo I Atendente Comercial 20 Açailândia 3
Agente Administrativo I Atendente Comercial 21 Santa Inês 5
Agente Administrativo I Atendente Comercial 22 Pindaré-Mirim 1
Agente Administrativo I Atendente Comercial 23 Zé Doca 1
Agente Administrativo I Atendente Comercial 24 Presidente Dutra 7
Agente Administrativo I Atendente Comercial 25 Barra do Corda 3
Agente Administrativo I Auxiliar de Administração 26 São Luís 15
Agente Administrativo I Auxiliar de Administração 27 Pedreiras 7
Agente Administrativo I Auxiliar de Administração 28 Itapecuru 2
Agente Administrativo I Auxiliar de Administração 29 Axixá 1
Agente Administrativo I Auxiliar de Administração 30 Pirapemas 1
Agente Administrativo I Auxiliar de Administração 31 Pinheiro 2
Agente Administrativo I Auxiliar de Administração 32 Chapadinha 1
Agente Administrativo I Auxiliar de Administração 33 Buriti de Inácia Vaz 1
Agente Administrativo I Auxiliar de Administração 34 Açailândia 1
Agente Administrativo I Auxiliar de Administração 35 Santa Inês 6
Assistente Operacional I Leiturista 36 São Luís 143
Assistente Operacional I Leiturista 37 Pedreiras 15
Assistente Operacional I Leiturista 38 Alto Alegre 2
Assistente Operacional I Leiturista 39 Imperatriz 29
Assistente Operacional I Leiturista 40 Açailândia 10
27
Assistente Operacional I Leiturista 41 São Francisco do
Brejão
2
Assistente Operacional I Leiturista 42 Presidente Dutra 13
Assistente Operacional I Leiturista 43 Pinheiro 15
Assistente Operacional I Leiturista 44 Chapadinha 15
Assistente Operacional I Leiturista 45 Itapecuru 15
Assistente Operacional I Leiturista 46 Santa Inês 15
Assistente Operacional I Leiturista 47 São João dos Patos 15
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 48 São Luís 13
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 49 Imperatriz 4
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 50 São João dos Patos 6
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 51 Jatobá 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 52 Cocos/São Domingos
do Azeitão
1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 53 Chapadinha 6
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 54 São Benedito do Rio
Preto
1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 55 Vargem Grande 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 56 Paulino Neves 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 57 Santa Quitéria 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 58 Coelho Neto 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 59 Buriti de Inácia Vaz 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 60 Anapurus 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 61 Mata Roma 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 62 São Bernardo 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 63 Urbano Santos 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 64 Pedreiras 10
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 65 Bernardo do Mearim 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 66 Peritoró 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 67 Lago Açu 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 68 Esperantinopólis 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 69 Lago Verde 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 70 Itapecuru 8
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 71 Axixá 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 72 Cantanhêde 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 73 Matões 3
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 74 Miranda do Norte 3
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 75 Pirapemas 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 76 Presidente Juscelino 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 77 Presidente Vargas 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 78 São Mateus 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 79 Barreirinhas 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 80 Humberto de Campos 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 81 Primeira Cruz 3
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 82 Itaipu/Rosário 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 83 Icatu 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 84 Pinheiro 7
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 85 São Bento 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 86 Cajapió 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 87 Luis Domingues 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 88 Guimarães 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 89 São João Batista 1
28
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 90 Bacuri 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 91 Carutapera 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 92 Godofredo Viana 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 93 Palmeirândia 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 94 Penalva 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 95 Santa Helena 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 96 São Vicente de Férrer 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 97 Buriticupu 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 98 Arame 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 99 São Pedro da Água
Branca
1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 100 Alto Parnaíba 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 101 Senador La Roque 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 102 Davinópolis 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 103 Montes Altos 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 104 São Francisco do
Brejão
1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 105 Cumarú/Imperatriz 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 106 Santa Inês 7
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 107 Pindaré-Mirim 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 108 Pio XII 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 109 Zé Doca 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 110 Santa Luzia 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 111 Santa Luzia do Paruá 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 112 Alto Alegre do Pindaré 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 113 Paulo Ramos 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 114 Acoque/Vitória do
Mearim
2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 115 Bom Jardim 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 116 Monção 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 117 São José dos
Aterrados/Santa Inês
1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 118 Barro Vermelho/Santa
Inês
1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 119 Maranhãozinho 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 120 Presidente Dutra 8
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 121 Barra do Corda 5
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 122 Santo Antonio dos
Lopes
1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 123 São Domingos 2
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 124 Graça Aranha 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 125 Angical 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 126 Baixão Grande/São
Domingos
1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 127 São José dos Basílios 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 128 Governador Luis
Rocha
1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 129 Nova Vida/Joselândia 1
Assistente Operacional I Operador de Sistemas 130 Gonçalves Dias 1
Assistente Operacional I Encanador 131 São Luís 85
Assistente Operacional I Encanador 132 Pinheiro 3
Assistente Operacional I Encanador 133 Imperatriz 2
29
Assistente Operacional I Encanador 134 Açailândia 1
Assistente Operacional I Encanador 135 Santa Inês 2
Assistente Operacional I Encanador 136 Santa Luzia 2
Assistente Operacional II Encanador I 137 São Luís 12
Assistente Operacional III Operador de Elevatória 138 São Luís 54
Assistente Operacional III Operador de Elevatória 139 Pedreiras 1
Assistente Operacional III Operador de Elevatória 140 Santa Luzia 1
Assistente Operacional III Operador de ETA 141 São Luís 18
Assistente Operacional III Operador de ETA 142 S. Raimundo das
Mangabeiras
2
Assistente Operacional III Operador de ETA 143 São Félix de Balsas 1
Assistente Operacional III Operador de ETA 144 Colinas 1
Assistente Operacional III Operador de ETA 145 Buriti Bravo 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 146 Mirador 1
Assistente Operacional III Operador de ETA 147 Loreto 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 148 Riachão 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 149 Chapadinha 3
Assistente Operacional III Operador de ETA 150 Brejo 6
Assistente Operacional III Operador de ETA 151 Duque Bacelar 5
Assistente Operacional III Operador de ETA 152 São Benedito do Rio
Preto
4
Assistente Operacional III Operador de ETA 153 Araioses 1
Assistente Operacional III Operador de ETA 154 Nina Rodrigues 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 155 Santa Quitéria 5
Assistente Operacional III Operador de ETA 156 Buriti de Inácia Vaz 3
Assistente Operacional III Operador de ETA 157 Urbano Santos 3
Assistente Operacional III Operador de ETA 158 Tutóia 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 159 Pedreiras 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 160 Peritoró 3
Assistente Operacional III Operador de ETA 161 Timbiras 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 162 Itapecuru 1
Assistente Operacional III Operador de ETA 163 Areias/Santa Rita 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 164 Axixá 4
Assistente Operacional III Operador de ETA 165 Cantanhêde 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 166 Morros 4
Assistente Operacional III Operador de ETA 167 Pirapemas 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 168 Presidente Juscelino 3
Assistente Operacional III Operador de ETA 169 Presidente Vargas 1
Assistente Operacional III Operador de ETA 170 Barreirinhas 4
Assistente Operacional III Operador de ETA 171 Itaipu/Rosário 3
Assistente Operacional III Operador de ETA 172 Pinheiro 2
Assistente Operacional III Operador de ETA 173 Alcântara 4
Assistente Operacional III Operador de ETA 174 Vitória do Mearim 4
Técnico Administrativo Assistente Administrativo 175 São Luís 12
Técnico Administrativo Segurança do Trabalho 176 São Luís 2
Técnico Operacional Edificações 177 São Luís 1
Técnico Operacional Eletromecânica 178 São Luís 1
Técnico Operacional Eletromecânica 179 São João dos Patos 1
Técnico Operacional Eletromecânica 180 Itapecuru 1
Técnico Operacional Eletromecânica 181 Pinheiro 1
Técnico Operacional Eletromecânica 182 Imperatriz 3
Técnico Operacional Mecânica 183 São Luís 1
30
Técnico Operacional Química 184 Colinas 1
Técnico Operacional Química 185 Barão de Grajaú 1
Técnico Operacional Química 186 Chapadinha 1
Técnico Operacional Química 187 Axixá 1
Técnico Operacional Química 188 Barreirinhas 1
Técnico Operacional Química 189 Pinheiro 1
Técnico Operacional Química 190 Santa Inês 1
Técnico Operacional Química 191 Cajari 1
Técnico Operacional Química 192 Presidente Dutra 2
Técnico Operacional Química 193 Bom Jesus das Selvas 1
Técnico Operacional Química 194 Brejo 1
Técnico Operacional Química 195 Peritoró 1
Técnico Operacional Química 196 Araioses 1
Técnico Operacional Química 197 São Benedito do Rio
Preto
1
Técnico Operacional Química 198 Pirapemas 1
Técnico Operacional Química 199 Loreto 1
Técnico Operacional Química
200 São Raimundo das
Mangabeiras
1
Técnico Operacional Química 201 Alcântara 1
Técnico Operacional Química 202 Riachão 1
Técnico Operacional Química 203 Santa Quitéria 1
Técnico Operacional Química 204 Buriti de Inácia Vaz 1
Técnico Operacional Química 205 Presidente Juscelino 1
Técnico Operacional Química 206 Morros 1
Técnico Operacional Química 207 Sambaíba 1
Técnico Operacional Química 208 Duque Bacelar 1
Técnico Operacional Química 209 Presidente Vargas 1
Técnico Operacional Saneamento 210 São Luís 5
Técnico Operacional Saneamento 211 São João dos Patos 2
Técnico Operacional Saneamento 212 Pedreiras 1
Técnico Operacional Saneamento 213 Imperatriz 3
Auxiliar Operacional Auxiliar de Laboratório 214 São João dos Patos 1
Auxiliar Operacional Auxiliar de Laboratório
215 São Raimundo das
Mangabeiras
1
Auxiliar Operacional Auxiliar de Laboratório 216 Chapadinha 1
Auxiliar Operacional Auxiliar de Laboratório 217 Pedreiras 1
Auxiliar Operacional Auxiliar de Laboratório 218 Cantanhêde 1
Auxiliar Operacional Auxiliar de Laboratório 219 Pinheiro 1
Auxiliar Operacional Auxiliar de Laboratório 220 Vitória do Mearim 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 221 São Luís 17
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 222 São João dos Patos 3
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal
223 São Raimundo das
Mangabeiras
1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 224 Colinas 2
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 225 Loreto 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 226 Barão de Grajaú 2
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 227 São Francisco do
Maranhão
1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 228 Chapadinha 3
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 229 Brejo 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 230 Vargem Grande 2
31
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 231 Nina Rodrigues 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 232 Magalhães de Almeida 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 233 Coêlho Neto 2
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 234 Trizidela do Vale 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 235 Independência 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 236 Igarapé Grande 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 237 Matões 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 238 Pinheiro 3
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 239 Imperatriz 8
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 240 Açailândia 2
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 241 Buriticupu 2
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 242 Riachão 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 243 Santa Inês 2
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 244 Pindaré-Mirim 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 245 Pio XII 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 246 Zé Doca 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 247 Presidente Dutra 3
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 248 Barra do Corda 3
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 249 São Domingos 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 250 Baixão Grande 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 251 Governador Luis
Rocha
1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 252 Joselândia 1
Auxiliar Operacional Trabalhador Braçal 253 D. Pedro 1
32
ANEXO III
COMPANHIA DE ÁGUAS E ESGOTOS DO MARANHÃO (CAEMA)
CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE
CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE
NÍVEL SUPERIOR, DE NÍVEL MÉDIO E DE NÍVEL FUNDAMENTAL
¾ Se você deseja concorrer às vagas destinadas a candidatos portadores de deficiência ou solicitar
atendimento especial para o dia de realização das provas, marque um dos campos abaixo.
( ) Desejo concorrer às vagas destinadas a candidatos portadores de deficiência, mas não necessito de
atendimento especial.
( ) Desejo concorrer às vagas destinadas a candidatos portadores de deficiência e necessito de
atendimento especial.
( ) Não desejo concorrer às vagas destinadas a candidatos portadores de deficiência, mas necessito de
atendimento especial.
Para concorrer às vagas destinadas a candidatos portadores de deficiência e obter o deferimento da
solicitação de atendimento especial, o candidato deverá:
a) encaminhar este formulário preenchido e laudo médico, conforme subitem 4.2 do edital de abertura do
concurso público;
b) estar ciente de que a sua qualificação como portador de deficiência e a compatibilidade da deficiência
declarada com as atribuições do cargo dependerão de avaliação, na forma estabelecida no mesmo edital.
NECESSIDADES ESPECIAIS PARA O DIA DE REALIZAÇÃO DAS PROVAS
¾ Se você necessita de atendimento especial para o dia de realização das provas, assinale o(s)
tipo(s) de necessidade(s) abaixo e envie ou entregue, pessoalmente ou por terceiro, este
formulário e o laudo médico, conforme descrito no subitem 6.4.10 do edital de abertura do
concurso público e no comprovante de inscrição.
1 NECESSIDADES FÍSICAS
( ) sala para amamentação (candidata que tiver necessidade de amamentar seu bebê)
( ) sala térrea (dificuldade para locomoção)
( ) sala individual (candidatos com doenças contagiosas/outras)
( ) maca
( ) mesa para cadeiras de rodas
( ) apoio para perna
1.1 MESA E CADEIRA SEPARADAS
( ) gravidez de risco
( ) obesidade
( ) limitações físicas
33
1.2 AUXÍLIO PARA PREENCHIMENTO (DIFICULDADE/IMPOSSIBILIDADE DE
ESCREVER)
( ) da folha de respostas das provas objetivas
( ) das provas objetivas
1.3 AUXÍLIO PARA LEITURA DA PROVA (LEDOR)
( ) dislexia
( ) tetraplegia
2 NECESSIDADES VISUAIS (CEGO OU PESSOA COM BAIXA VISÃO)
( ) auxílio na leitura da prova (ledor)
( ) prova em braille e ledor
( ) prova ampliada (fonte entre 14 e 16)
( ) prova superampliada (fonte 28)
3 NECESSIDADES AUDITIVAS (PERDA TOTAL OU PARCIAL DA AUDIÇÃO)
( ) intérprete de LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais)
( ) leitura labial
Comprometo-me a entregar, por ocasião da contratação, todos os documentos comprobatórios dos
requisitos exigidos no edital de abertura do concurso público, estando ciente de que, se não o fizer, estarei
automaticamente eliminado do certame.
Declaro conhecer e aceitar todas as normas estabelecidas no Edital n.º 1/2005 – CAEMA, de 23 de
dezembro de 2005(*).
(*) Republicado por conter incorreções no Edital n.º 1/2005 – CAEMA, de 23 de dezembro de 2005,
publicado no Diário Oficial do Estado do Maranhão de 26 de dezembro de 2005.
________________________________________________________
assinatura do candidato ou procurador