Edital do Concurso Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) 2004

Visualizaçao do Edital do Concurso

1
PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO
EDITAL N
o
01/2004
O Presidente da FUNDAÇÃO INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE, no uso de
suas atribuições e da competência que lhe foi outorgada pelo Excelentíssimo Senhor Ministro de Planejamento,
Orçamento e Gestão, através da Portaria n
o
30, de 11 de março de 2004, publicada no Diário Oficial da União de 12 de
março de 2004, alterada pela Portaria n
o
65, de 8 de abril de 2004, publicada no Diário Oficial da União de 12 de abril
de 2004, torna pública a abertura das inscrições e estabelece normas relativas à realização de Processo Seletivo
Simplificado mediante Contrato com a Fundação Universitária José Bonifácio - FUJB, por intermédio do Núcleo de
Computação Eletrônica da Universidade Federal do Rio de Janeiro - NCE/UFRJ. O Processo Seletivo Simplificado é
destinado a selecionar candidatos para contratação temporária de pessoal para a realização de pesquisas econômicas e
sócio-demográficas, a ser realizado nos termos da Lei n
o
8.745, de 09 de dezembro de 1993, alterada pelas Leis n
o
9.849, de 26 de outubro de 1999 e n
o
10.667, de 14 de maio de 2003 e deste Edital.
1-DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES
1.1-O presente Processo Seletivo Simplificado destina-se a selecionar candidatos para serem contratados, em caráter
temporário, para o preenchimento de 2700 (duas mil e setecentas) vagas à função de Agente de Pesquisas e
Mapeamento, conforme a distribuição apresentada no Anexo I deste Edital.
1.2-As atribuições da função de Agente de Pesquisas e Mapeamento são: avaliar documentação interna e/ou externa
com a finalidade de subsidiar a atualização do Mapeamento; converter para meio digital informações de formulários de
dados referentes a cadastros específicos; emitir relatórios; identificar na documentação de mapeamento topográfico as
alterações da divisão político-administrativa; identificar os diversos tipos de acidentes representados nas cartas e
mapas; operar aplicativos de banco de dados; operar microcomputador com sistema operacional Windows ou Linux;
participar de treinamentos específicos, ministrados por técnicos do IBGE, objetivando a capacitação para o
desenvolvimento de atividades específicas de pesquisa e mapeamento; preencher formulários segundo normas técnicas;
proceder a leitura de coordenadas que definem o posicionamento de acidentes em documentos cartográficos; realizar
entrevistas para obtenção de dados, utilizando relatórios, planilhas, mapas, croquis e formulários padronizados ou
equipamentos coletores de dados; selecionar documentação cartográfica para atualização; transferir ou transcrever
acidentes geográficos de um documento cartográfico para outro a partir de suas coordenadas/posicionamento; transferir
ou transcrever os limites definidores dos setores rurais e urbanos para o mapeamento e de um documento cartográfico
para outro, a partir de suas coordenadas/posicionamento; e, visitar domicílios e estabelecimentos (comerciais,
industriais, agropecuários, de serviços e órgãos públicos) em locais selecionados de acordo com o tema a ser
pesquisado.
1.2.1-Para o desempenho das atribuições da função de Agente de Pesquisas e Mapeamento são fundamentais e
indispensáveis:
a) capacidade auditiva e de comunicação verbal para realizar entrevistas e coletar dados;
b) acuidade visual para leitura dos questionários e formulários;
c) acuidade visual para interpretar mapas e croquis de setores de pesquisas e identificar no campo os pontos que
constituem os marcos dos limites dos setores;
d) capacidade de locomoção para execução de trabalhos de campo, nas zonas urbana e rural, em áreas de terreno
íngreme e localidades de difícil acesso, como favelas e áreas de ocupação irregular, bem como para acesso em prédios e
residências com escadarias e sem rampas de acesso ou elevadores;
e) capacidade motora para manusear os instrumentos de coleta (manuais, questionários, formulários, prancheta,
lapiseira e borracha) durante a realização de entrevista, que pode ocorrer em condições adversas e preencher os
questionários e formulários, com a precisão exigida nos documentos apurados por leitura ótica (scanners); e,
f) agilidade para cumprir as tarefas determinadas nos prazos exigidos nos cronogramas das pesquisas.
1.3-Como pré-requisito para a função de Agente de Pesquisas e Mapeamento é exigido que o candidato tenha concluído
o Ensino Médio (antigo 2
o
grau).
1.4-A retribuição mensal para a função será de R$ 480,00 (quatrocentos e oitenta reais), acrescida de Auxílio-
Alimentação, de acordo com a Lei n
o
9.527, de 10 de dezembro de 1997, e Decreto n
o
3.887, de 16 de agosto de 2001;
Auxílio-Transporte, com base no art. 7
o
da Medida Provisória n
o
2165-36, de 23 de agosto de 2001.
1.5-Os serviços serão prestados pelo prazo máximo de 12 (doze) meses, podendo ser prorrogado desde que não exceda
24 (vinte e quatro) meses, conforme determina o art. 4
o
, inciso II e parágrafo único, inciso I da Lei n
o
8.745, de 9 de
dezembro de 1993.
1.5.1-Os contratos terão vigência por 30 (trinta) dias, podendo ser sucessivamente prorrogados, por igual período, até o
limite máximo de 24 (vinte e quatro) meses.
1.5.2-As renovações e/ou rescisões dos contratos estarão condicionadas ao cronograma das pesquisas e à respectiva
dotação orçamentária, assim como aos resultados da avaliação de desempenho do contratado.
1.5.3-Os candidatos contratados terão o seu desempenho avaliado mensalmente, observados os fatores cumprimento de
prazos e assiduidade.
2-DOS REQUISITOS PARA CONTRATAÇÃO
2.1-O candidato deverá atender, cumulativamente, no ato da contratação, aos seguintes requisitos: