Administração Abordagens da Administração Abordagem Sistêmica da Administração

Considere a capacidade das organizações, enquanto sistemas abertos, de

 I. conservar um estado equilibrado por meio de mecanismos auto-reguladores;

II. importar mais energia do ambiente externo do que expender;

III. alcançar, por vários caminhos, o mesmo estado final, partindo de iguais ou diferentes condições iniciais.

Os itens I, II e III referem-se, respectivamente, a

  • A.

    homeostase; importação de energia; diferenciação.

  • B.

    homeostase; entropia negativa; equifinalidade.

  • C.

    entropia negativa; importação de energia; homeostase.

  • D.

    estado firme; homeostase dinâmica; diferenciação.

  • E.

    equifinalidade; homeostase; estado firme.