Administração Abordagens da Administração

Segundo Bresser Pereira (2001), a reforma gerencial de 1995 não se baseou na discussão com os neoliberais sobre o grau de intervenção do Estado na economia, pois já havia um consenso sobre a inviabilidade do Estado mínimo e da necessidade de ação reguladora, corretora e estimuladora do Estado. O debate permeou três perguntas:

I. Quais são as atividades do Estado?

II. Que atividades, para as quais ainda não existe essa exclusividade, a sociedade e o Estado consideram necessário fi nanciar (particularmente serviços sociais e científi cos)?

III. Quais as atividades empresariais, de produção de bens e serviços, para o mercado?

A essas três perguntas foi adicionado mais uma: Quais são as formas de propriedade ou de organização relevantes no capitalismo contemporâneo: apenas a propriedade privada e a estatal, ou haveria entre as duas uma terceira, a propriedade pública não-estatal, que assume cada vez maior importância nas sociedades contemporâneas?

A partir dessas perguntas e da dicotomia da administração burocrática/administração gerencial, foi possível construir o modelo da reforma baseado nos Estados modernos. Leia as assertivas a seguir e marque a opção correta.

  • A.

    Estão corretas as assertivas i, ii e iv.

  • B.

    Estão corretas as assertivas i, ii e v.

  • C.

    Estão corretas apenas as assertivas i e iii.

  • D.

    Estão corretas somente as assertivas i e ii.

  • E.

    Estão corretas as assertivas i, ii e iii.