Administração Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais Administração de Estoques

Na movimentação dos estoques, mesmo nas situações em que o material é entregue diretamente ao requisitante pelo fornecedor, não se processando o recebimento fisicamente no almoxarifado, a entrada pode e deve ser imputada simbolicamente a este órgão. Desta forma, a administração de material prevê as entradas e saídas mais comuns do almoxarifado, sendo exemplo correto de saída:

  • A.

    para ajuste de recebimento - decréscimo: trata-se de uma transação que só ocorre quando os materiais anteriormente recebidos são registrados no sistema em quantidades e/ou em valores superiores às que efetivamente a empresa recebeu e/ou tem a pagar;

  • B.

    efetivamente a empresa recebeu e/ou tem a pagar; B) por compra: trata-se de uma transação que tem por objetivo informar ao sistema o acréscimo, nos estoques, do valor e das quantidades dos materiais adquiridos no país ou por importação direta;

  • C.

    por ajuste de inventário - sobra: refere-se a uma transação que permite ao sistema corrigir as situações de estoques, em que os saldos físicos, apurados no inventário, apresentam diferenças "a maior" em relação às posições registradas nos sistemas contábil e de material;

  • D.

    por devolução externa: refere-se a uma transação que permite incorporar novamente aos estoques os materiais cedidos, anteriormente, a terceiros para servir de matriz ou modelo;

  • E.

    por ajuste de recebimento - acréscimo: trata-se de uma transação que só ocorre quando os materiais anteriormente recebidos são registrados no sistema em quantidades e/ou em valores inferiores às que, efetivamente, a empresa recebeu e/ou tem a pagar.