Administração Decisão em Administração

Em um mundo globalizado os processos decisórios têm trazido mais riscos à gestão em virtude da natureza complexa dos negócios e do ambiente. Sendo assim, o gestor deverá pautar sempre as suas decisões em uma abordagem gerencial mais atual quando tiver que decidir sobre a resolução cotidiana de problemas ou sobre as práticas de gestão para as quais foi contratado. Diante disto, o que se espera do comportamento (conduta) desse gestor é que ele desenvolva um processo decisório:

  • A.

    unidimensional, decidindo a partir de seu conhecimento em administração, que por ser vasto lhe fará achar, sozinho, a melhor solução. Afinal, foi contratado porque a empresa confia em sua capacidade de decisão.

  • B.

    multidimensional, pois se os problemas são complexos, outras pessoas dos diferentes níveis da organização poderão sofrer os reflexos da decisão tomada, bem como apontar mais causas e mais soluções para uma mesma questão e, portanto, precisarão ser consultadas.

  • C.

    unidimensional, pois a maior parte dos problemas é complexa e exigirão uma visão sistêmica das inter-relações de suas causas.

  • D.

    bidimensional, pois ele e a cúpula da estrutura organizacional serão capazes de decidir, pois, por mais complexa que seja a decisão a ser tomada, ninguém melhor que os administradores estratégicos para reconhecer as ameaças e as forças da organização.

  • E.

    unidimensional, pois o gestor tem que ter objetividade. As decisões precisam ser tomadas com simplicidade e rapidez. Sendo assim, ele tem que identificar o problema, trazer a solução e implementá-la rapidamente.