Administração Comportamento Organizacional Gestão do Conhecimento

O conhecimento de uma organização não é simplesmente a soma de todos os conhecimentos acumulados pelos indivíduos, mas sim o resultado de uma combinação sinérgica entre esses conhecimentos que se modifica continuamente por meio da interação entre os membros de uma organização. A respeito da criação do conhecimento nas organizações, é correto afirmar que:
  • A. A externalização concerne à criação de novos conhecimentos explícitos a partir de conhecimentos explícitos compartilhados entre os indivíduos, por exemplo, por meio de palestras, treinamentos e congressos.
  • B. A imitação, o diálogo e a reflexão constituem exemplos de socialização, uma iniciativa de geração de conhecimentos explícitos a partir de outros conhecimentos de natureza tácita.
  • C. Um exemplo de agregação dos dados de uma auditoria realizada em toda a organização em um relatório financeiro ilustra a construção de conhecimentos explícitos a partir de conhecimentos também explícitos que amplia a base de conhecimentos da empresa.
  • D. Uma espiral do conhecimento diz respeito à forma como os conhecimentos são criados nas organizações a partir da conversão entre conhecimentos tácitos e explícitos que acabam por ser transferidos de um nível de análise para outro.
  • E. Na internalização, tem-se a criação de conhecimentos tácitos por meio do contato dos indivíduos com outros conhecimentos também tácitos a partir da observação, por exemplo, dos artefatos e dos valores organizacionais.