O resultado fiscal do setor público é medido pelas necessidades de financiamento do setor público (NFSP). Para se conhecer as NFSP é preciso calcular a dívida líquida do setor público. Dívida líquida do setor público

  • a.

    corresponde à soma dos valores da dívida bruta do governo central, BC e empresas estatais junto ao setor financeiro privado, nacional e internacional, descontados os ativos financeiros em poder do setor público.

  • b.

    é o resultado da soma consolidada da dívida bruta do governo central, BC, empresas estatais, estados e municípios, junto ao sistema financeiro público e privado, ao sistema privado não financeiro e ao resto do mundo, descontados os ativos financeiros em poder do setor público.

  • c.

    corresponde ao endividamento total do setor público federal e estadual com o sistema financeiro nacional e internacional, descontados os ativos financeiros em poder do setor público.

  • d.

    compreende a dívida bruta do governo central, BC e empresas estatais, junto ao sistema financeiro público e privado, ao sistema privado não financeiro e ao resto do mundo, descontados os ativos financeiros e não financeiros em poder do setor público.

  • e.

    compreende a dívida líquida do governo central, BC, empresas estatais, estados e municípios junto ao sistema financeiro público e privado, ao sistema privado não financeiro e ao resto do mundo, descontados os ativos não financeiros em poder do setor público.