Os principais fatores para que os membros das Comunidades de Prática se mantenham juntos são

  • A.

    o sentido comum de propósito e a necessidade real de saber o que os outros membros sabem.

  • B.

    o sentido individual de propósito e a necessidade real de seguir as concepções de ações definidas pelos outros membros.

  • C.

    o sentido comum de propósito e a impossibilidade de saber o que os outros membros sabem de forma explícita.

  • D.

    o sentido comum de competitividade e a busca de melhores resultados sem intercâmbio de informações.

  • E.

    a necessidade de resolver problemas distintos com as mesmas soluções e a competitividade.