Na Teoria Comportamental da Administração, o homem passa a ser visto como um animal dotado de necessidades que vão além do objetivo apenas financeiro, possuindo necessidades gregárias inerentes ao homem. Maslow publicou uma teoria sobre motivação que se tornou bastante conhecida, segundo a qual as necessidades humanas estão organizadas e dispostas em níveis, numa hierarquia de importância e de influência, numa pirâmide, em cuja base estão as necessidades mais baixas e no topo, as necessidades mais elevadas, representadas da seguinte forma:

  • A.

    afetiva, integração, liberdade, aceitação e social;

  • B.

    financeira, psicológica, básica, social e afetiva;

  • C.

    aceitação, financeira, psicológica, social e afetiva;

  • D. fisiológicas, de segurança, sociais, autoestima e realização pessoal;
  • E.

    fisiológica, psicológica, liberdade, aceitação e realização pessoal.