Quanto aos “princípios orçamentários” da Unidade e da Totalidade, tem-se que a afirmativa que não está correta é:
  • A. a unidade orçamentária tende a reunir em um único total todas as receitas do Estado, de um lado, e todas as despesas do outro.
  • B. autores clássicos recomendam que, ao lado do documento orçamentário, houvesse também a unidade de caixa, por onde passariam todos os recursos manipulados pelo governo.
  • C. situações como guerra, calamidades e crises econômicas fazem que esses princípios possam ser descumpridos.
  • D. a descentralização do aparelho estatal bem como as entidades paraestatais não limita a implementação do princípio orçamentário da Unidade.
  • E. o princípio da totalidade possibilita a coexistência de múltiplos orçamentos que, no entanto, devem sofrer consolidação de forma que permita ao governo uma visão geral do conjunto das finanças públicas.