As atividades de uma organização comportam subdivisões em unidades, de acordo com os denominados critérios de departamentalização, que podem ser
  • A. por objetivos, de acordo com a teoria de descentralização de Fayol.
  • B. funcional, que toma por base a especialidade, agrupando em um mesmo órgão atividades afins.
  • C. em linha, onde todas as áreas se encontram em um mesmo nível hierárquico e não existe especialização.
  • D. por centro de custos, voltada à maximização dos resultados financeiros.
  • E. estratificados, ou seja, por camadas crescentes de poder decisório.