Certo proprietário de bovinos de um Estado da Federação, classificado como de médio risco para Febre Aftosa, deseja enviar para o estado de Goiás um caminhão carregado de fêmeas destinadas à reprodução. De acordo com o ANEXO I da Instrução Normativa nº 82, de 20/11/2003, para transportar esses animais o proprietário deverá

  • A.

    submeter os animais ao isolamento na origem e no destino, por um período de tempo igual ao do período de incubação da Febre Aftosa.

  • B.

    ter ciência de que os animais terão o ingresso proibido em Goiás, caso tenha ocorrido foco de Febre Aftosa nas proximidades.

  • C.

    possuir autorização de ingresso, desde que não tenha ocorrido foco de Febre Aftosa no Estado de origem nos últimos 2 anos.

  • D.

    possuir autorização de ingresso, isolar e submeter os animais a provas laboratoriais para Febre Aftosa na origem e no destino.

  • E.

    submeter os animais ao isolamento e a provas laboratoriais na origem.