Um produtor plantou tomate do tipo industrialem 100 hectares e tomate do tipo mesa em 10 hectares. A plantação ocorreu em período quente e chuvoso, em solo latossolo vermelho escuro, utilizando adubação formulada orgânica e química de plantio e em cobertura, de acordo com as recomendações técnicas. Apesar de a lavoura inicialmente apresentar-se com folhagem exuberante e verde escura, a partir de 60 dias, após o transplante das mudas, começaram a aparecer, com maior incidência e severidade na lavoura de tomate do tipo mesa, as seguintes anormalidades no tomateiro: mosaico e enrugamento das folhas; arroxeamento das folhas e folíolos, especialmente nos ponteiros, seguido de enfezamento das plantas e curvamento dos ponteiros para baixo; clorose entre as nervuras nas folhas mais velhas e baixeiras; manchas escuras, seguidas de queima e necrose nos bordos das folhas; frutos com manchas escuras no pedúnculo; frutos com podridão apical e frutos ocos e descoloridos.

Considerando essa situação hipotética, julgue os itens seguintes.

A menor incidência e severidade das anormalidades sanitárias e fisiológicas na lavoura de tomate industrial devese, possivelmente, a exigência nutricional diferenciada e ao uso de poucas operações de desbrota nesse tipo de tomateiro, além de não se efetuar o amarrio e o desponte nessa lavoura, o que diminui o número de ferimentos e, conseqüentemente, a penetração de patógenos.

  • C. Certo
  • E. Errado