A abordagem de Radcliffe-Brown sobre a estrutura social tinha como pressuposto a idéia de equilíbrio funcional, dando pouco espaço para a explicação do conflito e da mudança social. Julgue as proposições que se seguem sobre os esforços feitos para trazer a questão do conflito e da mudança para os estudos estruturais.

I. Em Sistemas Políticos da Alta Birmânia, Leach realiza uma crítica às suposições de que as sociedades existem em equilíbrio.

II. O conceito de "filiação complementar" foi elaborado por Fortes para tratar da mudança na estrutura das linhagens africanas.

III. A abordagem de Gluckman aos rituais de rebelião africanos revela os conflitos e as contradições no interior da estrutura, mas não é verdadeiramente uma teoria da mudança. Os ritos analisados pelo autor dão expressão a rebeliões rituais com a finalidade de manter a ordem estrutural.

IV. A teoria da mudança elaborada no seio da antropologia britânica tinha como ponto de partida a descrição das contradições e conflitos universais que habitam a estrutura da personalidade humana.

V. Murdock, aluno de Radcliffe-Brown, elaborou um esquema teórico que permitiu analisar a mudança social nas sociedades mediterrâneas da África do Norte.

Assinale a opção que identifica apenas as afirmativas corretas.

  • A.

    I e II

  • B.

    III e V

  • C.

    I e III

  • D.

    II e IV

  • E.

    IV e V