Antropologia

Qual a diferença entre a teoria culturológica e a perspectiva dos cultural studies?

  • A. A teoria culturológica está centrada na análise do processo de transferência de informação entre a fonte e o destinatário, pois compreende os processos culturais como processos de informação; o principal interesse da perspectiva dos cultural studies é desvendar o processo de infl uência dos meios de comunicação de massa sobre os consumidores, na medida em que concebe o consumo desses meios como prática cultural.
  • B. A teoria culturológica caracteriza-se como um modelo semiótico-informacional, centrado na análise dos processos semióticos da cultura de massa, pois está mais preocupada com dinâmica do processo comunicativo no âmbito da sociedade do que com sua efi cácia; a perspectiva dos cultural studies está mais preocupada com as conseqüências das ações dos jornais, televisão e outros meios sobre o sistema cultural, pois esses diversos meios determinam os assuntos com os quais a sociedade deve se preocupar.
  • C. A teoria culturológica preocupa-se em desvendar os processos decorrentes da indústria cultural sobre a sociedade, pois o sistema social é compreendido por essa teoria como um organismo cujas diferentes partes desempenham funções de integração e de manutenção do sistema; a perspectiva dos cultural studies está preocupada com a qualidade do consumo dos produtos da indústria cultural, pois nem tudo o que essa indústria produz contribui para o desenvolvimento cultural da sociedade.
  • D. A teoria culturológica procura analisar o que as pessoas fazem com os meios de comunicação de massa, estando mais atenta aos contextos e às interações sociais dos receptores; a perspectiva dos cultural studies procura compreender o processo de inserção dos meios de comunicação de massa no sistema cultural, pois a cultura é concebida por essa teoria como um texto que precisa ser interpretado.
  • E. A teoria culturológica procura ver a cultura de massa como um conjunto de cultura, civilização e história, pois a cultura de massa não é absolutamente autônoma ao imbuir-se de cultura nacional, religiosa ou humanística, e, por sua vez, penetrar na cultura nacional, religiosa ou humanística; o interesse dos cultural studies, centra-se, principalmente, na análise de uma forma específi ca de processo social, relativa à atribuição de sentido à realidade, à evolução de uma cultura, de práticas sociais compartilhadas, de uma área comum de signifi cados.