Os autores pós-modernos sofreram grande influência da vertente interpretativa da antropologia americana. Introduzindo questões relativas à hermenêutica, passaram a ver a cultura como um texto, uma tessitura de significados elaborados socialmente pelos homens e sua exegese, como o ofício da Antropologia. Acerca do tema, assinale a alternativa correta.

  • A.

    A crítica pós-moderna se caracteriza propriamente como uma avaliação epistemológica da ciência antropológica. Na verdade o objeto dessa crítica referese muito mais aos conceitos ou leis utilizados pela antropologia do que à pratica discursiva etnográfica.

  • B.

    A crítica pós-moderna considera o conhecimento etnográfico como resultado de situações de diálogo entre subjetividades concretas que interagem em condições sobredeterminadas de contato e de negociação de sentido. Ou seja, o texto etnográfico, ao privilegiar a voz do antropólogo, tende a não anular as outras vozes.

  • C.

    Observando os antropólogos pós-modernos em sua prática de pesquisa, constata-se que as preocupações desses etnógrafos (ou "meta-etnógrafos") não recaíram sobre questões relativas ao próprio processo de produção do conhecimento antropológico.

  • D.

    Foi a partir do final dos anos 70 que os horizontes da crítica antropológica foram redirecionados, possibilitando a reflexão dos antropólogos pósmodernos, os quais, acostumados a ver as culturas como texto e a antropologia como sua interpretação, passaram a tomar o próprio texto etnográfico como objeto de interpretação.

  • E. Para os autores pós-modernos tanto a crítica às descrições culturais fechadas presentes na etnografia clássica,quanto às descrições culturais densas da escola interpretativa não podem ser entendidas como subsídio para uma avaliação da própria natureza do fazer etnográfico.