O desenvolvimento do interesse pela formação de profissionais especializados na área de arqueologia no Brasil iniciou-se a partir de

  • A.

    1960, com a atuação do Programa Nacional de Pesquisas Arqueológicas (PRONAPA).

  • B.

    1961, com a promulgação da Lei Federal nº 3924, relacionada à proteção das jazidas arqueológicas.

  • C.

    1937, com a promulgação do Decreto-Lei nº 25, relativo à proteção do patrimônio histórico e artístico nacional.

  • D.

    1970, com a atuação da Missão Franco-brasileira.

  • E.

    1981, com a promulgação da Lei Federal nº 6938, relacionada à política nacional de meio ambiente.