Arquitetura História da Arte e Arquitetura

NAS QUESTÕES NUMERADAS DE 16 A 40, ASSINALE A ÚNICA ALTERNATIVA QUE RESPONDE CORRETAMENTE AO ENUNCIADO

A Revolução Industrial, ocorrida no séc. XIX, foi fundamental para produzir grandes mudanças no cenário urbano e começaram a alterar a configuração espacial das cidades envolvidas no processo industrial. Portanto, foi um fenômeno que contribuiu para inúmeras alterações do espaço urbano. Sobre essas transformações, podemos afirmar:

  • A.

    A sociedade industrial se deu nas zonas rurais, produzindo a partir dessas áreas as metrópoles, conurbações, cidades industriais e grandes conjuntos habitacionais, porém, quanto à organização desses espaços ocorre um fracasso.

  • B.

    A Revolução Industrial conduziu a um crescimento demográfico das cidades, fazendo com que o urbanismo fosse desenvolvido a partir de projetos que se adequaram perfeitamente às necessidades e por isso solucionaram os problemas enfrentados na época.

  • C.

    Em antítese à desorganização da cidade industrial surgem propostas de ordenamentos urbanos, baseadas em reflexões que se desdobram no imaginário, pela ausência da possibilidade de dar uma solução prática ao questionamento da sociedade. Portanto, pode-se dizer que as realizações deixam a dimensão utópica para serem realizações concretas.

  • D.

    Nas primeiras décadas do séc. XIX, os chamados socialistas utópicos Robert Owen e Charles Fourier foram buscar suas bases do pensamento para a visão da cidade contemporânea nas indústrias e no industrialismo, na democracia, nas rivalidades de classe, na exploração do homem pelo homem e na alienação no trabalho. Com isso surgiram dois modelos de organização espacial, considerados como pré-urbanistas: o modelo progressista e o modelo culturalista