Questões de Concurso de Orçamento e Fiscalização - Arquitetura

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão 523856

Tribunal Regional Eleitoral / Rio de Janeiro (TRE RJ) 2012

Cargo: Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Arquitetura / Questão 103

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

A respeito de licitações, gerenciamentos e orçamento de obra, julgue os itens subsecutivos.

A licitação é a seleção por meio da qual uma entidade coloca em oferta a realização de uma obra, prestação de serviço ou fornecimento de um bem ou equipamento de construção.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 523857

Tribunal Regional Eleitoral / Rio de Janeiro (TRE RJ) 2012

Cargo: Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Arquitetura / Questão 104

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

A respeito de licitações, gerenciamentos e orçamento de obra, julgue os itens subsecutivos.

A licitação só poderá ser lançada por entidades de direito público.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 962023

Câmara de Salvador - BA 2018

Cargo: Especialista - Área Arquiteto / Questão 51

Banca: Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Nível: Superior

O orçamento de uma obra pode tomar terminologias diferentes, em função da fase de projeto em que é elaborado.

Dentre as terminologias do orçamento de uma obra, aquela que corresponde à avaliação de custo obtida através de levantamento e estimativa de quantidades de materiais, serviços e equipamentos e pesquisa de preços médios, usualmente utilizada a partir do anteprojeto da obra, é denominada:

  • A. estimativa de custo;
  • B. orçamento preliminar;
  • C. orçamento estimativo;
  • D. orçamento analítico ou detalhado;
  • E. orçamento sintético ou orçamento reduzido.

Questão 914402

Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul - RS (DPE/RS) 2017

Cargo: Analista - Área Arquitetura / Questão 51

Banca: Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível: Superior

Para o orçamentista e para quem vai gerir a obra, é de suma importância saber quais são os principais insumos, o total de cada insumo na obra e qual a sua representatividade. Isso serve para priorizar as cotações de preços, definir as negociações mais criteriosas, canalizar a energia dos responsáveis por compras, etc. No processo orçamentário a relação de insumos, em ordem decrescente de custos, denomina-se
  • A. Linha priorizável.
  • B. CUB.
  • C. Balanceamento em ordem.
  • D. Listagem em Kapa − ḵ.
  • E. Curva ABC.

Questão 914403

Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul - RS (DPE/RS) 2017

Cargo: Analista - Área Arquitetura / Questão 52

Banca: Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível: Superior

A estimativa de custos e o consequente estabelecimento do preço é basicamente um exercício de previsão. Muitos são os itens que influenciam e contribuem para o custo de um empreendimento e de uma obra. A técnica orçamentária envolve a

I. identificação.

II. descrição.

III. quantificação.

IV. análise e valorização.

Está correto o que se afirma em

  • A. I, II e III, apenas.
  • B. I, II, III e IV.
  • C. II e III, apenas.
  • D. I e IV, apenas.
  • E. III, apenas.

Questão 955679

Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) 2018

Cargo: Arquiteto / Questão 58

Banca: Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Nível: Superior

Os orçamentos, em geral, deveriam se basear emcomposições de preços unitários (CPU), que são tabelas de enorme relevância para o orçamentista, pois este precisa analisar a composição para saber o que foi considerado e a produtividade adotada quando da formação do preço da obra. As colunas da tabela de uma composição de custo unitário trazem alguns itens, entre eles um que “descreve cada um dos elementos essenciais para a produção de determinado produto ou serviço. Podem ser de mão de obra, material ou equipamento”. Assinale a alternativa que corresponde a este item específico nas colunas da composição.
  • A. Unidade
  • B. Índice.
  • C. Insumo.
  • D. Custo Unitário.
  • E. Custo Total.

Questão 875854

Tribunal Regional do Trabalho / 8ª Região (TRT 8ª) 2016

Cargo: Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Arquitetura / Questão 30

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Acerca dos diferentes graus de detalhamento de um orçamento, assinale a opção correta.
  • A. A precisão de uma estimativa de custo não está relacionada ao tipo da obra em estudo.
  • B. No orçamento analítico, utiliza-se de custos históricos e comparação com projetos similares.
  • C. Comumente, o orçamento preliminar é mais detalhado que o orçamento analítico.
  • D. A estimativa de custos é feita a partir de indicadores genéricos, a exemplo do custo unitário básico.
  • E. Diferentemente do setor privado, no setor público não há necessidade de estimativa inicial do custo de um empreendimento.

Questão 875855

Tribunal Regional do Trabalho / 8ª Região (TRT 8ª) 2016

Cargo: Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Arquitetura / Questão 31

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

No que se refere à classificação ABC, ferramenta de controle de obras, assinale a opção correta.
  • A. A classe C reflete os itens mais importantes e que merecem tratamento especial no que se refere a acompanhamento e controle.
  • B. O número de itens que compõe cada uma das faixas deve ser fixo para facilitar o emprego da ferramenta de controle de obras.
  • C. De acordo com a classificação ABC, que permite definir quais os itens de um projeto devem ser controlados, o grau de controle pode e deve ser variável dentro de um mesmo projeto.
  • D. A classificação ABC apresenta-se como um contraponto ao princípio de Pareto.
  • E. Conforme a classificação ABC, os itens do conjunto devem ser ordenados por sua importância relativa, em ordem crescente de importância.

Questão 950800

Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais - MG (CODEMIG/MG) 2018

Cargo: Arquiteto / Questão 45

Banca: Fundação de desenvolvimento da pesquisa (FUNDEP / UFMG)

Nível: Superior

Analise a tabela a seguir, publicada por Mascaró, no livro O custo das decisões arquitetônicas, que demonstra a participação de cada elemento no custo total de um edifício residencial.

 De acordo com Mascaró, o custo das instalações é praticamente independente da variação da área construída.

A esse respeito, assinale a alternativa CORRETA.

  • A. Uma redução de 10% na área do projeto corresponde a uma redução de aproximadamente 10% sobre o custo da obra.
  • B. Uma redução de 10% na área do projeto corresponde a uma redução de aproximadamente 5% no custo da obra.
  • C. Uma redução de 10% na área do projeto não tem nenhum efeito sobre o custo da obra.
  • D. Uma redução de 10% na área do projeto corresponde a um aumento de 10% no custo da obra.

Questão 829285

Ministério Público Estadual - SP (MPE/SP) 2016 (2ª edição)

Cargo: Analista Técnico e Científico - Área Arquiteto e Urbanista / Questão 49

Banca: Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (VUNESP)

Nível: Superior

Um projeto apresenta andar tipo de 24 x 30 m e malha estrutural em concreto armado, composta de laje maciça, vigas e pilares, em uma malha regular de 7 x 7 pilares, (vãos de 5 m e 4 m) considerando-se, no cálculo, uma solução em vigas biapoiadas sucessivas, dispostas em malha ortogonal. No seu desenvolvimento, foram apresentadas propostas de alteração na concepção estrutural, sem repercussão significativa, no caso específico, sobre os usos possíveis e sobre os custos dos demais elementos e sistemas da edificação – vedações, esquadrias, instalações, etc. A primeira proposta consistia em redistribuir os apoios uniformemente ao longo das vigas, criando-se, em uma das direções, balanços estruturais de ¼ do vão entre apoios. A segunda, em dimensionar as vigas como vigas contínuas em lugar de biapoiadas. A variação de momentos fletores máximos obtidos em cada uma das propostas, com suas consequências sobre o dimensionamento de armaduras, atuará, do ponto de vista do impacto sobre os custos da estrutura, no sentido
  • A. da redução de custos, em ambas as propostas.
  • B. de redução de custos na segunda proposta, não influindo nos custos na primeira.
  • C. de aumento de custos na primeira proposta, não influindo nos custos na segunda.
  • D. de aumento dos custos na primeira proposta e de redução na segunda.
  • E. do aumento de custos, em ambas as propostas.