Arquitetura

O edifício do Ministério da Educação e Saúde (1937/43 – Rio de Janeiro) é o símbolo mais impactante da arquitetura moderna no Brasil e a primeira aplicação, em escala monumental, das idéias de Le Corbusier.

Considere as afirmações sobre o edifício:

I. A rigorosa disciplina plástica aplicada a cada componente e a concisão dos meios formais utilizados é exemplo da subordinação da composição ao detalhe.

II. O bloco de 14 andares se levanta no meio do terreno, sobre pilotis de 10 m de altura, tendo como base, em uma das extremidades, uma ala baixa, transversal, ocupada, de um lado, por um auditório e, de outro, por um salão de exposição de arte.

III. Fugindo da habitual aglomeração de prédios maciços, alinhados à calçada, o terreno em volta do edifício oferece uma ampla margem de espaço livre, utilizado com o objetivo racional e prático de banhar o edifício de luz, de ar e de sol, o que proporciona um ambiente adequado à monumentalidade do projeto.

É correto o que consta em

  • A.

    I, II e III.

  • B.

    II e III, apenas.

  • C.

    I e III, apenas.

  • D.

    III, apenas.

  • E.

    I e II, apenas.