Arquitetura

Considere abaixo as diretrizes básicas para construção de um complexo judiciário.

I. Localização acessível ao público; disponibilidade de transporte público na região; proximidade com outros edifícios institucionais.

II. Entradas para o público independentes e dotadas de sistema de segurança; três padrões de circulação interna (judicial, pública e controlada), independentes.

III. Área pública com circulação, espera, banheiros, quiosques de informação (tripulados ou não), telefones públicos, acesso a sala de arquivos para depósito ou retirada de documentos e salas de audiência pública.

IV. Segurança do edifício, com subsistemas para CFTV (Circuito Fechado de TV); sistema integrado de segurança (Catracas, identificadores biométricos, etc) e sala para segurança.

V. Biblioteca para o uso dos juízes, advogados e funcionários; cafeteria com refeitório e/ou snack-bar para o público e área independente para os juízes.

As opções que devem ser consideradas para projeções do crescimento populacional demanda processual, e aumento do espaço físico são:

  • A.

    III e V.

  • B.

    I e II.

  • C.

    II, III e IV.

  • D.

    I, III e V.

  • E.

    IV e V.