Arquitetura

Com o advento da Revolução Industrial, os edifícios ferroviários se transformaram em emblemas de sua época. Durante o século XIX e começo do século XX, as ferrovias e as estações ferroviárias expressavam o processo de integração entre cidades com base em uma velocidade sem precedentes, o que facilitava a circulação de ideias, materiais e padrões. Além disso, as estações não consistiam em uma edificação unitária: enquanto, nas plataformas, eram adotadas as técnicas e materiais então contemporâneos e de vanguarda (estrutura leve e esbelta, com ênfase na aplicação de ferro e vidro), os saguões de chegada materializavam a profusão estilística ao melhor gosto eclético, produzindo estações semelhantes a casas rurais, catedrais góticas, templos gregos, banhos romanos ou a mescla de tudo isso. No que se refere ao patrimônio ferroviário brasileiro, julgue os itens seguintes e assinale a alternativa correta.

I A primeira ferrovia do Brasil foi a Estrada de Ferro Petrópolis, posteriormente rebatizada “Estrada de Ferro Mauá”, inaugurada em 1854.

II Dois dos mais importantes exemplares do patrimônio ferroviário remanescente no Brasil são as Estações da Luz e Júlio Prestes, na cidade de São Paulo – SP.

III O patrimônio ferroviário remanescente na atual região Nordeste brasileira é inexpressivo devido à ausência de abertura de linhas férreas durante o período compreendido entre o Brasil Império e as primeiras décadas da República.

  • A.

    Apenas o item I está certo.

  • B.

    Apenas o item II está certo.

  • C.

    Apenas o item III está certo.

  • D.

    Apenas os itens I e II estão certos.

  • E.

    Todos os itens estão certos.