• A. A figura 3 mostra o corte em um jardim, sem cota, mas com escala humana, no qual consta um riacho acessado por uma pequena escada e em cuja parte superior se observa uma rampa de inclinação acentuada.
  • B. Depreende-se das seções A e C da figura 4 que o relevo do terreno está mais acidentado nas extremidades do lado direito da planta e que, no meio, esse terreno apresenta um ligeiro aclive em direção ao lado esquerdo da planta, onde a vegetação é mais densa.
  • C. A representação do paisagismo com desenho técnico preciso é inadequada, pois diferentemente do que ocorre na arquitetura e no design, que lidam com objetos definidos, no paisagismo são representadas formas da natureza imprecisas.
  • D. Utilizando-se o desenho em perspectiva, como o ilustrado na figura 1, garante-se maior precisão nas informações do projeto.
  • E. A árvore maior, à direita, na figura 2, que ilustra uma perspectiva de um conjunto de árvores e arbustos, tem a altura inferior a 5,0 m.