O National Institute for Occupational Safety and Health (NIOSH) desenvolveu em 1981 uma equação para avaliar o manuseio de cargas no trabalho. Em 1994 foi realizada uma revisão dessa equação determinando o limite de peso recomendado (LPR), a partir do quociente de sete fatores.

Considere os seguintes fatores do LPR, X e Y:

X: penaliza os levantamentos nos quais as cargas devem ser apanhadas em posição muito baixa ou demasiadamente elevada. Esse fator vale 1 quando a carga se encontra situada a 75cm do solo e diminui à medida que se distancia desse valor;

Y: definido pelo número de levantamentos por minuto, pela duração da tarefa de levantamento e pela altura dos mesmos.

Dessa forma, pode-se concluir que:

  • A. X é o fator de deslocamento vertical e Y é o fator de assimetria;
  • B. X é o fator de pega e Y é o fator de altura;
  • C. X é o fator de altura e Y é o fator de frequência;
  • D. X é o fator de distância horizonte e Y é o fator de pega;
  • E. X é o fator de frequência e Y é o fator de altura.