Os estudos urbanos contemporâneos promoveram o resgate da leitura das obras de Camillo Sitte porque ele:

  • A.

    foi um arauto da racionalidade nos traçados urbanos.

  • B.

    buscava a recuperação do sentido estético e social das praças e espaços públicos.

  • C.

    desenvolveu propostas muito semelhantes a Haussmann, autor da reforma de Paris.

  • D.

    acreditava que os ambientes que antes eram concebidos como espaços públicos deveriam ser incorporados ao interior da casa, em refúgios domésticos.