Arquivologia Arquivos Permanentes

A Norma ISAD (G), adotada pelo Comitê de Normas e Descrição de Estocolmo em 1999, estabelece diretrizes gerais para a preparação de descrições arquivísticas e constitui hoje uma ferramenta fundamental para todos os arquivistas. A respeito dessa norma, analise as afirmativas a seguir:

I. Embora não tenha se originado no Brasil, deve servir como base para a criação da norma nacional.
II. A descrição arquivística tem como objetivo identificar e explicar o contexto e o conteúdo de documentos de arquivo, visando a promover o acesso a eles.
III. As regras gerais para a descrição arquivística nela contidas aplicam-se, também, a documentos especiais como mapas, registros sonoros e objetos tridimensionais.

Assinale:

  • A.

    se somente a afirmativa I estiver correta.

  • B.

    se somente a afirmativa II estiver correta.

  • C.

    se somente as afirmativas I e II estiverem corretas.

  • D.

    se somente as afirmativas II e III estiverem corretas.

  • E.

    se todas as afirmativas estiverem corretas.