Arquivologia Gerenciamento da Informação e Gestão de Documentos

Considerando as características dos arquivos em cada etapa de seu ciclo vital, pode-se afirmar que

  • A.

    os documentos da fase intermediária correspondem aos que foram gerados no desempenho das atividades- fim da instituição de origem.

  • B.

    a freqüência de uso e a validade das disposições contidas nos documentos constituem critérios para a configuração dos depósitos de primeira e segunda idades.

  • C.

    o processo de avaliação decorre da transferência, isto é, da passagem dos documentos da fase intermediária para a permanente, depois de cumpridos os prazos estabelecidos nas tabelas de temporalidade.

  • D.

    o instrumento de pesquisa típico da fase corrente é o guia, por oferecer uma visão panorâmica das principais séries documentais que integram o acervo.

  • E.

    os critérios de classificação dos documentos correntes devem ser substituídos, nas instituições de custódia permanente, por aqueles que privilegiam temas ligados à pesquisa histórica.