Arquivologia Preservação, conservação e restauraçao de documentos arquivisticos

Um conservador realizou um diagnóstico sobre a ambiência de um depósito, no Rio de Janeiro, para armazenamento de documentos. Apresentou o seguinte relato: “as condições climáticas desse depósito não estão em consonância com as Normas, por isso os documentos estão quebradiços. Recomendo, para uma eficiente conservação, valores constantes de 10 °C e 40% de URA”. Ao ler esse diagnóstico, o arquivista percebeu que os parâmetros apresentados pelo conservador estão equivocados, pois os corretos valores para uma boa conservação são, respectivamente,

  • A.

    40 °C e 20% URA.

  • B.

    30 °C e 30% URA.

  • C.

    20 °C e 60% URA.

  • D.

    10 °C e 30% URA.

  • E.

    0 °C e 40% URA.