O arquivo público, por meio de suas atividades culturais, pode

  • A.

    permitir o livre acesso dos consulentes aos depósitos de documentos.

  • B.

    selecionar os documentos mais importantes do acervo, distribuindo-os para instituições congêneres.

  • C.

    transformar-se em centro de memória, classificando os documentos em função das demandas dos pesquisadores.

  • D.

    contribuir para o desenvolvimento da noção de cidadania e reforçar a importância do patrimônio arquivístico.

  • E.

    promover a reavaliação do acervo permanente, levando em conta a freqüência com que os documentos são consultados.