O teatro do absurdo buscou retratar a sociedade em crise, enfatizando os absurdos das sociedades em guerra e da burguesia, bem como a fragilidade dos valores morais. Entre os principais autores do teatro do absurdo tem-se

  • A.

    Augusto Boal e Janete Clair.

  • B.

    Eugène Ionesco e Samuel Beckett.

  • C.

    Oswald de Andrade e Samuel Beckett.

  • D.

    Gonçalves de Magalhães e Martins Pena.