As questões de números 85 e 86 referem-se à situação descrita a seguir.

Na elaboração de um croqui de campo, em um terreno de formato retangular, em planta, de 15 m de frente por 25 m de fundo e desnível total de 2 m, será importante que se determine a amarração em planta de certos pontos de interesse situados na porção central com o alinhamento de frente do terreno, bem como os desníveis entre esses vários pontos de interesse. Para efetuar o levantamento de campo, a equipe dispõe de uma mangueira transparente de 1/2”, duas balizas de topografia e uma trena de 30 m. No terreno, há apenas uma construção pequena, que é provida de água e energia elétrica, que não interfere na área a levantar, e que poderá servir de ponto de referência para amarração dos pontos. Para realizar o levantamento das distâncias horizontais entre pontos, o procedimento usual é
  • A. efetuar as medidas com a baliza, utilizando-a para miradas avante e à ré em uma poligonal, nas quais se determinam níveis e distâncias, por meio da trena e da mangueira, respectivamente.
  • B. efetuar as medidas com a baliza, diretamente entre os pontos do terreno, determinando, a seguir, as distâncias verticais, com o auxílio da mangueira e da trena, para corrigir os valores das distâncias pelo Teorema de Pitágoras.
  • C. efetuar as medidas com a trena, diretamente entre os pontos do terreno, determinando, a seguir, os ângulos verticais, utilizando a mangueira e as balizas, para corrigir os valores das distâncias pelo Teorema de Pitágoras.
  • D. utilizar a mangueira e duas balizas para determinar um nivelamento horizontal, para medir diretamente, entre dois pontos, com a trena, as distâncias que serão representadas em escala na planta.
  • E. efetuar as medidas com a trena, diretamente entre os pontos do terreno, determinando, a seguir, os ângulos verticais, com o auxílio da mangueira e da baliza, para corrigir trigonometricamente os valores das distâncias.