Questões de Concurso de Meio Ambiente - Atualidades e Conhecimentos Gerais

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão 938368

Polícia Militar - AL (PM/AL) 2017

Cargo: Soldado Combatente / Questão 30

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Considerando o texto apresentado, publicado em junho deste ano, e os múltiplos aspectos a ele relacionados, julgue os seguintes itens.

Não seria possível evitar a falta de água observada em diversas regiões do Brasil, a exemplo de São Paulo, em 2016, e do Distrito Federal, em 2017, pois esse problema decorre exclusivamente da seca prolongada, um fenômeno natural.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 938369

Polícia Militar - AL (PM/AL) 2017

Cargo: Soldado Combatente / Questão 31

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Considerando o texto apresentado, publicado em junho deste ano, e os múltiplos aspectos a ele relacionados, julgue os seguintes itens.

A transposição do rio São Francisco é apontada como uma das soluções para amenizar os efeitos das constantes secas em determinadas regiões do Nordeste brasileiro.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 938371

Polícia Militar - AL (PM/AL) 2017

Cargo: Soldado Combatente / Questão 33

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Considerando o texto apresentado, publicado em junho deste ano, e os múltiplos aspectos a ele relacionados, julgue os seguintes itens.

O aumento do desmatamento na Amazônia é um dos fatores responsáveis pela estiagem prolongada no centro-sul do Brasil.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 938457

Polícia Militar - AL (PM/AL) 2017

Cargo: Soldado Combatente / Questão 119

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Julgue os próximos itens, referentes a aspectos geográficos do estado de Alagoas. A ampliação da rede de domicílios com acesso a esgotamento sanitário em Alagoas contribui para a diminuição de riscos socioambientais decorrentes de contaminação do meio ambiente e para o aumento da qualidade de vida da população.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 946865

Corpo de Bombeiro Militar - SC (CBM/SC) 2018

Cargo: Soldado Bombeiro Militar / Questão 23

Banca:

Nível: Superior

A preocupação com o meio ambiente emerge como problema no Brasil a partir da década de 1960 como consequência do desenvolvimento industrial, da poluição e do crescimento da sociedade de consumo. Pode-se resumir de forma sintética algumas causas genéricas que levaram à aceleração da degradação ambiental a partir da década de 1960 no Brasil:

I - As teorias econômicas dos anos 50 que preconizavam a maximização dos benefícios monetários, sem preocupação com a renovação dos recursos.

II - A planificação e a gestão fragmentária e setorial dos recursos naturais sem ter em conta suas interações com todos os níveis: ecológicos, sociais e econômicos.

III - A não inclusão do homem nos sistemas naturais.

Está(ão) CORRETO(S):

  • A. Somente o item I.
  • B. Somente o item II.
  • C. Somente os itens I e II.
  • D. Somente os itens II e III.
  • E. Todos os itens.

Questão 948813

Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais - MG (CODEMIG/MG) 2018

Cargo: Analista de Administração / Questão 34

Banca: Fundação de desenvolvimento da pesquisa (FUNDEP / UFMG)

Nível: Superior

Após grande reação contrária de ambientalistas, artistas e outros segmentos da comunidade nacional e internacional, o atual presidente do Brasil, Michel Temer, revogou, em setembro de 2017, o decreto que extinguia a RENCA.

É correto afirmar que a RENCA é:

  • A. a Reserva Nacional de Cobre e seus Associados, criada nos anos 1980, abrangendo cerca de 40 mil km quadrados nos estados do Pará e Amapá, para proteção de recursos minerais estratégicos.
  • B. a Reserva Nacional de Conceição do Araguaia, no estado do Pará, destinada à proteção e conservação da maior área de floresta nativa de todo o planeta.
  • C. a Reserva Nacional de Comunidades Ameríndias, que abrange área demarcada nos estados do Amazonas, Pará e Acre, onde se situam mais de três dezenas de comunidades indígenas.
  • D. o tratado internacional firmado, na década de 1970, entre Brasil, Peru, Equador e Bolívia, visando à proteção internacional da Floresta Equatorial Amazônica e da Bacia Hidrográfica Amazônica.

Questão 841593

Prefeitura de São Luís - MA 2017

Cargo: Professor de Nível Superior - PNS/A - Especialidade: 1º ao 5º ano / Questão 12

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

O rompimento da barragem de uma empresa de mineração, em novembro de 2015, foi um desastre ambiental sem precedentes na história do Brasil que afetou o município de Mariana, em Minas Gerais. A respeito desse episódio, assinale a opção correta.
  • A. A lama atingiu a foz do Rio Doce e se alastrou até o litoral do Espírito Santo, chegando ao oceano Atlântico.
  • B. O impacto ambiental na fauna e na flora da região atingida pelo desastre é reversível no curto prazo.
  • C. Ainda não foi iniciado processo de investigação a respeito dos responsáveis pelo desastre.
  • D. Os habitantes dos municípios atingidos conseguiram resgatar suas posses e não houve óbitos.
  • E. Apesar de ter atingido os rios da região, o desastre não afetou as comunidades dependentes da pesca porque a lama não apresenta toxidade.

Questão 909744

Câmara Municipal de Nova Friburgo - RJ 2017

Cargo: Agente Legislativo / Questão 17

Banca: CONSULPLAN Consultoria (CONSULPLAN)

Nível: Médio

A partir do dia 1º de janeiro de 2016, entrou em vigor a Agenda 2030 da ONU. Composta por 17 objetivos de Desenvolvimento Sustentável estabelece metas a serem alcançadas em 15 anos. Nas negociações da agenda, o Brasil comprometeu-se em até 2030 garantir a todos o acesso universal a preços acessíveis, à água potável e segura, ao saneamento e à higiene. Sobre a situação do saneamento básico no Brasil é correto afirmar que:
  • A. Não deve ser discutida em termos de direitos humanos, pois o Poder Público não representa todos os cidadãos.
  • B. O tratamento igualitário de toda a população municipal não é uma condição fundamental para a caminhada rumo a um mundo justo e sustentável.
  • C. A utilização de dados estatísticos apenas das áreas regularizadas (para a demonstração de melhorias) não camuflam a verdadeira realidade da falta de saneamento em áreas não regularizadas.
  • D. No Brasil há uma tendência de os poderes públicos municipais se referirem aos avanços em termos de saneamento apenas às áreas regularizadas, com o argumento de que não podem levar melhorias às áreas irregulares.

Questão 848973

Prefeitura de São Luís - MA 2017

Cargo: Técnico Municipal Nível Médio/Nível VII-A - Especialidade: Cuidador Escolar / Questão 25

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Médio

O rompimento da barragem do Fundão no município de Mariana, em Minas Gerais, em novembro de 2015, resultou em um desastre ambiental sem precedentes na história do Brasil. Além de afetar outros municípios da região, os resíduos da barragem atingiram o litoral do estado
  • A. do Paraná.
  • B. da Bahia.
  • C. do Espírito Santo.
  • D. do Rio de Janeiro.
  • E. de São Paulo.

Questão 943114

Prefeitura de Fraiburgo - SC 2017

Cargo: Analista Executivo / Questão 8

Banca: Fundação de Estudos e Pesquisas Sócio-Econômicos (FEPESE)

Nível: Superior

O rompimento da barragem de Fundão, da mineradora Samarco, controlada pela Vale e pela BHP Billinton, é considerado o pior acidente da mineração brasileira, com impactos ambientais incalculáveis e, em alguns casos, irreversíveis.

Sobre essa tragédia, assinale a alternativa correta.

  • A. Atingiu diversos municípios no Estado de Minas Gerais, do Espírito Santo e do Rio de Janeiro, resultando na destruição completa da cadeia alimentar do ambiente aquático do Rio Doce.
  • B. Atingiu apenas o município de Mariana, no Espírito Santo, e resultou na morte de 19 pessoas e em outras centenas de desabrigados.
  • C. Atingiu diversos municípios dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo, sem vítimas fatais, mas com impactos irreparáveis ao equilíbrio e à biodiversidade da região.
  • D. Atingiu principalmente o município de Mariana, em Minas Gerais, e resultou na morte de milhares de peixes, no assoreamento de rios, na destruição da mata ciliar, entre outros danos ambientais.
  • E. Atingiu diversos municípios às margens do Rio Doce no Estado de Minas Gerais e do Espírito Santo, não afetando o Oceano Atlântico em virtude da rápida ação de contenção proposta pelas entidades competentes.