O primeiro centenário de sua construção ocorreu no ano de 2012. Obra que se transformou em autêntica epopeia, inclusive com o sacrifício de trabalhadores que nela perderam a vida, tinha entre seus principais objetivos permitir o escoamento da produção boliviana da fronteira até o rio Amazonas e o oceano. Construção tombada como patrimônio da cultura brasileira.

O texto acima se refere à

  • A.

    Rodovia Transamazônica.

  • B.

    Estrada de Ferro Madeira-Mamoré.

  • C.

    Usina Hidrelétrica de Jirau.

  • D.

    Reserva Ecológica Nacional Ouro Preto do Oeste.

  • E.

    Estrada de Ferro Carajás.