Nas perícias contábeis, podem ser elaborados laudos coletivos, ou pelo perito do juízo juntamente com os assistentes técnicos indicados pelas partes, nas perícias judiciais, ou pelo mínimo de três peritos, nas perícias extrajudiciais, como na de avaliação de bens para aumento de capital ou incorporação de empresas. Sendo um trabalho coletivo, pode-se afirmar que no caso de perícia judicial:

  • A.

    todos os peritos assinam o laudo coletivo, independentemente de haver discordâncias;

  • B.

    o perito discordante deve ser substituído no processo;

  • C.

    a discordância parcial não é ocorrência prevista na junta de peritos;

  • D.

    o perito do juízo prevalece no processo, não cabendo manifestações dos assistentes técnicos;

  • E.

    havendo discordância, o perito discordante deve produzir e apresentar seu laudo à parte.