Auditoria

De acordo com a Resolução 821/97, o sigilo profissional deve ser observado nas seguintes circunstâncias, exceto:

  • A.

    na relação entre o auditor e a entidade auditada;

  • B.

    na relação entre os auditores;

  • C.

    na relação entre os auditores e os organismos reguladores e fiscalizadores;

  • D.

    na relação entre o auditor e demais terceiros;

  • E.

    quando autorizado, por escrito, pela administração da entidade, com poderes para tanto, contendo, de forma clara e objetiva, os limites das informações a serem fornecidas, sob pena de infringir o sigilo profissional.