O auditor deve definir e executar procedimentos de auditoria que sejam apropriados às circunstâncias com o objetivo de obter evidência de auditoria apropriada e suficiente. Entre os procedimentos contam os seguintes:
  • A. inspeção, observação e confirmação externa.
  • B. inspeção, relatório e parecer.
  • C. registro, julgamento e apreciação.
  • D. controle interno, rotinas de trabalho e conferência.
  • E. confirmação, circularização e contagem.