Na realização dos trabalhos de auditoria das demonstrações contábeis do exercício de 2014 da Indústria de Calças e Camisas do Sul S/A, o auditor não conseguiu obter evidência apropriada e suficiente de auditoria para suportar sua opinião, mas concluiu que os possíveis efeitos de distorções não detectadas, se houver, sobre as demonstrações contábeis poderiam ser relevantes, mas não generalizados. Nestas condições, o auditor deve
  • A. expressar um opinião sem ressalvas, apenas para os itens examinados.
  • B. comunicar ao conselho fiscal da empresa e adotar novos procedimentos de auditoria.
  • C. abster-se de expressar uma opinião.
  • D. considerar as demonstrações contábeis irregulares.
  • E. expressar uma opinião, com ressalvas.