Questão 474748 - Classificação decimal universal (CDU): estrutura, princípios e índices principais e emprego das tabelas auxiliares.

Concurso: Tribunal de Justiça   - PE (TJPE/PE) 2012

Cargo: Analista Judiciário - Área Biblioteconomia

Banca: Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível: Superior

Biblioteconomia Organização e tratamento da informação Classificação decimal universal (CDU): estrutura, princípios e índices principais e emprego das tabelas auxiliares.

Embora a Classificação Decimal Universal estabeleça regras para a ordem de arquivamento, o sistema não prescreve regras para a combinação de facetas, uma situação que deixa o bibliotecário livre para adotar a prática que melhor se adapte a uma necessidade particular. Isso significa que é possível construir diferentes combinações para expressar um mesmo conceito composto, todas corretas de acordo com o sistema. A afirmativa acima está

  • A.

    correta; esse mecanismo é resultado da base enumerativa do sistema, que favorece a construção de diferentes notações para um único assunto composto.

  • B.

    correta; tradicionalmente, essa facilidade é vista como uma vantagem, pois permite adequar a classificação ao arranjo que mais convier a uma coleção.

  • C.

    incorreta; o sistema prescreve padrões bem precisos não apenas para a ordem de arquivamento, mas também para a combinação de facetas.

  • D.

    incorreta; existe, de fato, uma certa flexibilidade na aplicação de aspectos comuns a todos os assuntos, mas há apenas uma notação para cada conceito.

  • E.

    incorreta; o sistema facetado oferece a possibilidade de combinar diferentes elementos, porém, dentro de limites definidos para garantir a sua consistência.