Biologia Evolução

Uma planta parasita muito comum no Brasil é o cipó-chumbo, também conhecido como fios de ovos. Esse vegetal tem raízes sugadoras (haustórios) que penetram no tronco da planta hospedeira, retirando a seiva elaborada. Capaz de produzir flores, frutos e sementes, o cipó-chumbo não tem clorofila e não faz fotossíntese. O cladograma abaixo mostra a posição evolutiva do cipó-chumbo em relação a alguns grandes grupos de plantas.

Considerando a imagem e as informações acima, é correto afirmar que o cipó-chumbo

  • A.

    está evolutivamente próximo das plantas frutíferas, apesar da perda da capacidade de fotossintetizar.

  • B.

    não pode ser considerado uma planta, pois perdeu uma das características mais básicas do grupo, que é a clorofila.

  • C.

    é a planta mais evoluída do cladograma, pois os organismos mais à direita são os biologicamente superiores.

  • D.

    está posicionado incorretamente no cladograma e é, na verdade, o elo perdido entre as algas verdes e as samambaias.

  • E.

    deveria estar posicionado próximo às samambaias, devido à sua característica de viver sobre outras plantas.