Biologia Biologia Celular Genética

Em uma aula prática de extração de DNA, o professor orientou os alunos a colocar, em um saco plástico, dois ou três morangos, cinco gotas de detergente, uma pitada de sal de cozinha e um pouco de água morna. Após a realização desse procedimento, os alunos maceraram e depois filtraram o conteúdo do saco plástico. Sobre o conteúdo filtrado, foi colocado o mesmo volume de álcool gelado, adotando-se o devido cuidado para que se formasse uma fase sobre o filtrado. Após alguns minutos, o DNA saiu do filtrado e passou para a fase do álcool.

Nessa situação, a adição do sal no início do experimento visa

  • A.

    aglutinar e unir o DNA e então formar uma massa filamentosa esbranquiçada.

  • B.

    facilitar a homogeneização dos morangos.

  • C.

    impedir que o complexo DNA-Histonas se enovele.

  • D.

    dificultar a migração das moléculas de DNA para o detergente.

  • E.

    romper a bicamada lipídica da membrana celular e, com isso, separar as moléculas de DNA do resto do suco citoplasmático.