Biologia Biologia Celular Microbiologia

No meio marinho, é cada vez mais reconhecida a importância das bactérias marinhas. Estudos filogenéticos mostraram que a vida surgiu de um ancestral comum e os dois grupos são procarióticos: Archaea e Eubacteria. A partir de estudos com ARN ribossomial, tornaram-se possíveis as seguintes conclusões:

  • A.

    a grande maioria das bactérias marinhas é cultivável em laboratório, o que pode facilitar diversos estudos de taxonomia e de processos no mar.

  • B.

    a superfície dos oceanos não possui estratificação do bacterioplâncton.

  • C.

    o maior grupo das Archaea é o das proteobactérias, com distribuição cosmopolita.

  • D.

    as bactérias associadas às partículas diferem daquelas de vida livre quanto a tamanho, metabolismo e interações intra e interespecíficas.

  • E.

    não há diferenças estruturais entre as bactérias marinhas.