Biologia Biologia Celular Microbiologia

A identificação de micro-organismos patogênicos na água é, em geral, demorada, complexa e onerosa. Assim, recorre-se à identificação de organismos que indicam a contaminação da coleção hídrica por matéria orgânica de origem fecal, e, portanto, indicam um risco potencial da presença de organismos patogênicos.

Com relação ao emprego de coliformes totais, coliformes termotolerantes e Escherichia coli na avaliação da qualidade da água in natura para consumo humano, atualmente considera-se como indicador mais preciso,

  • A. a Escherichia coli, pois mesmo em mananciais bem preservados, indicaria, no mínimo, a contaminação de origem de animais silvestres, que podem ser reservatórios de agentes patogênicos ao ser humano.
  • B. os coliformes termotolerantes, pois incluem bactérias exclusivamente de origem fecal, mesmo em países de clima tropical, que têm alta prevalência destes organismos.
  • C. os coliformes totais, por incluir todo tipo de bactéria e, dentre estas, também as de origem fecal, além de guardar uma relação próxima com E. coli e ter técnicas laboratoriais simples.
  • D. a Escherichia coli, pois está presente no intestino humano e em todos os animais, sendo eliminadas nas fezes em números elevados.
  • E. os coliformes totais e termotolerantes, pois o seu uso conjunto tem 100% de chance de identificar agentes patogênicos, exclusivamente, provenientes de matéria fecal.