Na determinação de mesófilos aeróbios e facultativos em agar contagem (PCA) em leite cru, foram semeadas, em profundidade, alíquotas de 1 mL das diluições 10-1, 10-2 e 10-3 com incubação a 35°C por 48 horas. A média do número de colônias contados nas duas placas da diluição 10-1 foi de 86 e menor que 25 nas demais diluições. Assinale a alternativa que corresponde à contagem de aeróbios mesófilos no leite cru e a correta conclusão a respeito deste resultado.
  • A. O leite contém 8,6 x 106 UFC/mL. Houve contaminação no alimento. No entanto, pode-se proceder a lavagem das placas sem prévia esterilização em autoclave, pois não foi realizada a contagem de microrganismos patógenos.
  • B. O leite contém 8,6 x 102 UFC/mL. Houve uma contaminação muito baixa no alimento e, portanto, pode-se proceder a lavagem das placas sem prévia esterilização em autoclave.
  • C. O leite contém 8,6 x 102 UFC/mL. O número de microrganismos é baixo no alimento, mas elevado nas placas onde formaram colônias; por isso, faz-se a prévia esterilização das placas em autoclave para depois proceder a lavagem.
  • D. D) O leite contém 8,6 x 106 UFC/mL. Este alimento está muito contaminado. Portanto, faz-se a prévia esterilização das placas em autoclave para depois fazer a lavagem.
  • E. O leite contém 8,6 x 10 UFC/mL. O número de microrganismos é muito baixo no alimento, mas elevado nas placas onde formaram colônias, por isso faz-se a prévia esterilização das placas em autoclave para depois proceder a lavagem.