Muitas enzimas são sintetizadas na forma de precussores inativos que só em determinado momento são ativadas pela clivagem de uma ou mais ligações peptídicas específicas. Um exemplo dessas formas inativas é a pró-insulina, que é secretada no pâncreas e se transforma em insulina pela remoção proteolítica de um peptídeo. Esses precussores inativos são conhecidos como:
  • A. co-fatores.
  • B. isômeros.
  • C. coenzimas.
  • D. isozimas.
  • E. zimogênios.