Para diagnosticar a doença de Chagas realizando o teste ELISA, é correto afirmar que a confirmação de “um caso crônico” dessa patologia se daria com a detecção e quantificação de
  • A. eosinófilos.
  • B. imunoglobulina E.
  • C. imunoglobulina G.
  • D. macrófagos infectados com a forma tripomastigota do agente etiológico.