As cianotoxinas são hidrossolúveis e passam pelo sistema de tratamento convencional de água, sendo inclusive resistentes à fervura, implicando sérios riscos à saúde pública. O monitoramento das cianobactérias tóxicas e suas toxinas nos reservatórios de água para abastecimento público é mais que necessário, identificando-se assim, os locais com riscos potenciais de contaminação.

A esse respeito, assinale a afirmativa correta.

  • A. Não existe obrigatoriedade legal para detecção das cianobactérias e cianotoxinas na água para abastecimento público.
  • B. Sempre que o número de cianobactérias no ponto de captação exceder 20.000 células/mL deve ser realizada a análise mensal das cianotoxinas.
  • C. Quando detectada a presença de cianotoxinas na saída da água tratada, será obrigatória a comunicação imediata às clínicas de hemodiálise e às indústrias de injetáveis.
  • D. É indicado o uso de algicidas para o controle do crescimento de microalgas e cianobactérias no manancial de abastecimento.
  • E. abastecimento. (E) Quando for detectada a presença de gêneros potencialmente produtores de cilindrospermopsinas no monitoramento de cianobactérias, recomenda-se a análise dessas cianotoxinas, observando o valor máximo aceitável de 2,0 μg/L.