Ciência da Computação Segurança da Informação Criptografia de chave pública - PKI

Considere as definições:

I. Uma chave pública é disponibilizada livremente para qualquer pessoa que pode querer enviar uma mensagem. Uma segunda chave privada é mantida em segredo, para que somente o receptor da mensagem a conheça. Qualquer mensagem que seja criptografada usando a chave pública, só poderá ser descriptografada aplicando-se o mesmo algoritmo, mas usando a chave privada correspondente. Qualquer mensagem que seja criptografada usando a chave privada só poderá ser descriptografada usando-se a chave pública correspondente.

II. É uma cadeia brasileira, hierárquica e de confiança, que viabiliza a emissão de certificados digitais para identificação virtual do cidadão. O ITI desempenha o papel de Autoridade Certificadora Raiz (AC-Raiz) e também exerce as funções de credenciar e descredenciar os demais participantes da cadeia, supervisionar e fazer auditoria dos processos.

III. Uma chave secreta, que pode ser um número, uma palavra ou apenas uma sequência de letras aleatórias, é aplicada ao texto de uma mensagem para alterar o conteúdo de uma determinada maneira. Desde que o remetente e o destinatário saibam a chave secreta, eles podem criptografar e descriptografar todas as mensagens que usam essa chave.

As definições I, II e III correspondem, respectivamente, a

  • A.

  • B.

  • C.

  • D.

  • E.