Ciência da Computação Segurança da Informação Firewalls

A Runtime Application Self-Protection (RASP) é uma tecnologia acoplada a uma aplicação e que pode detectar e prevenir ataques, em tempo real, pela inspeção da pilha de execução de uma aplicação. Além disso, o Web Application Firewall (WAF) é um equipamento que inspeciona o tráfego HTTP em busca de problemas relacionados à requisição e resposta de aplicações web. A respeito das técnicas de defesa utilizadas em aplicações e do respectivo impacto no ciclo de desenvolvimento seguro de software, assinale a alternativa correta.
  • A. Medidas de proteção, como o RASP e WAF, são necessárias em razão da incapacidade dos desenvolvedores de produzir código livre de bugs de segurança, e são suficientes para reduzir a superfície de ataque das aplicações.
  • B. Vulnerabilidade ou falhas em aplicações são bugs que impactam a segurança do software. Desse modo, produzir aplicações livres de defeitos relacionados aos requisitos funcionais e não funcionais pode garantir que o software seja seguro.
  • C. A utilização de metodologia de validação de entrada e saída de dados com foco em segurança nas aplicações, se bem implementada, pode auxiliar na mitigação de ataques de injeção de comando como o Cross-Site Scripting (XSS) persistente, injeção SQL e injeção LDAP.
  • D. Equipamentos como o WAF e APIs de validação de entrada e saída estão sujeitos a ataques com strings ofuscadas e são medidas ineficientes de proteção das aplicações.
  • E. A proteção de dados de privacidade individuais é de baixa importância quando se fala de um ciclo de desenvolvimento de software seguro, pois essa abordagem está preocupada apenas com a mitigação de vulnerabilidades técnicas no código fonte de uma aplicação.