Ciência da Computação Sistemas Operacionais

O Sistema Operacional (SO) fornece um conjunto de serviços para programas e usuários desses programas. Dentre estes serviços, NÃO SE INCLUI:
  • A. Manipulação do sistema de arquivos: os programas têm que ler, gravar, excluir, procurar e listar arquivos e diretórios. Alguns incluem o gerenciamento de permissões para liberar ou negar o acesso a eles. Muitos SOs fornecem vários sistemas de arquivos.
  • B. Kernel modular: os SOs utilizam técnicas de programação orientada a objetos para a criação de um kernel modular, que remove todos os componentes não essenciais do kernel e os implementa como programas de nível de sistema e usuário para executar as chamadas de sistema.
  • C. Operações de I/O: um programa em execução pode precisar de operações de I/O, envolvendo dispositivos diferentes. Funções especiais para dispositivos específicos podem ser desejáveis. Por eficiência e proteção, geralmente os usuários não podem controlar os dispositivos de I/O diretamente, portanto, o SO deve fornecer um meio de execução destas operações.
  • D. Detecção de erros: os erros podem ocorrer no hardware da CPU e da memória, em dispositivos de I/O e no programa do usuário. Para cada tipo de erro o SO deve tomar a medida apropriada para assegurar o processamento correto e consistente.
  • E. Interface gráfica: quase todos os SOs têm uma interface de usuário, que pode assumir várias formas. A CLI − Command Line Interface usa comandos de texto e um método de inserção e edição de comandos. A interface batch executa arquivos nos quais os comandos e suas diretivas de controle estão inseridas. A GUI − Graphical User Interface é a mais comum.